Soccerex 2011 quer gerar até R$ 180 milhões em negócios

[Por Mercado e Eventos, 28/11/2011]
Na manhã desta segunda, dia 28, a Soccerex Global Convention 2011 teve sua cerimônia de inauguração realizada. O evento tem como objetivo realizar entre R$ 170 e R$ 180 milhões em negócios. Em seu discurso, o ministro Rebelo salientou os desafios de se realizar a Copa do Mundo no Brasil e deu as boas vindas a mais uma edição da Soccerex no País – o evento acontecerá anualmente até 2013.
“É grande a expectativa para a chegada da Copa, que é um acontecimento para a humanidade. Mas não é apenas o mundo do futebol que convive com denúncias de corrupção. Todos esses acontecimentos chegam ao futebol porque ocorrem no mundo inteiro. Em um mundo de intolerância, o futebol é um espaço onde as disputas podem ser solucionadas entre adversários dentro de campo, mas sem ódio”, disse o ministro, que citou o carnaval carioca como exemplo de grandes eventos que são realizados pelo país: “Estejam certos de que o Brasil realizará uma grande Copa do ponto de vista da organização. Estamos empenhados para realizar um evento a altura das expectativas geradas”.
O governador Sergio Cabral complementou a fala de Aldo Rebelo sobre a capacidade da cidade em receber bem os turistas: “Lembro ainda do nosso réveillon na Praia de Copacabana, que recebe mais de um milhão de pessoas. Durante a Copa do Mundo, além da final, a nossa cidade receberá o centro de mídia. Não existe outra cidade no planeta que esteja tão em foco como o Rio de Janeiro. Ela receberá os eventos mais importantes do mundo”, destacou.
Cabral citou alguns dos principais eventos que serão realizados na cidade nos próximos anos, como a Copa de 2014, Olimpíadas de 2016, e agradeceu o apoio recebido do ex-ministro do Esporte, Orlando Silva, afastado por suspeitas de corrupção. “Essa é a década do Rio. Temos o calendário de eventos mais forte do planeta nos próximos anos. Queremos que as pessoas encontrem uma cidade segura, antes, durante e depois dos eventos. Com infraestrutura de transporte, antes, durante e depois. Estamos nos preparando para deixar um legado para nossa população”.
A mesa principal foi composta pelo Ministro dos Esportes, Aldo Rebelo; governador do Estado do Rio de Janeiro, Sérgio Cabral; vice-Governador do Rio de Janeiro, Luiz Fernando Pezão, o presidente da Soccerex, Tony Martin, e as estrelas do futebol Zagallo, Zico e Carlos Alberto Torres.
 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *