Embratur propõe maior interação para atrair mais turistas estrangeiros para Foz do Iguaçu

[Por BrasilNetwork, 31/08/2011]
O presidente da Embratur (Instituto Brasileiro de Turismo), Flávio Dino, recebeu o deputado federal Alfredo Kaefer (PSDB-PR). O propósito do encontro foi apresentar as ações de promoção turística no mercado internacional que Foz do Iguaçu (PR) está inserida, com o objetivo de alinhar as estratégias do Governo Federal com as do município paranaense. “Queremos estreitar cada vez mais nossa relação com os governos municipais, pois acreditamos que a união de esforços potencializará o nosso objetivo, que é fazer com que nosso país esteja cada vez mais posicionado como destino turístico no exterior”, disse Dino.
Flávio Dino fez uma breve apresentação das estratégias que a Embratur adota para inserir o Brasil no mercado internacional como produto turístico e que incluem Foz do Iguaçu como um dos principais cartões postais do Brasil. O presidente também falou sobre os esforços que serão concentramos para atrair mais turistas da América do Sul. “Nossa intenção é começar desde agora uma forte campanha para que tenhamos o melhor verão dos últimos anos, e pela proximidade dos países vizinhos, o Paraná será um dos grandes beneficiados”, ponderou Dino.
O presidente também falou sobre a verba descentralizada, que é disponibilizada anualmente aos estados para a promoção de destinos turísticos no mercado internacional. Trata-se de um repasse extra que a Embratur dispõe aos estados, que complementam as ações já programadas pelo Instituto para promover o Brasil no exterior. Para 2011, o calendário prevê 266 iniciativas em 40 países. “Esta é uma ferramenta importante que propõe a participação direta das Unidades da Federação nas estratégias para mostrar no exterior as potencialidades turísticas locais”.
Para o deputado federal, este primeiro encontro foi para propor uma maior sinergia entre os governos a fim de potencializar os resultados alcançados na promoção turística dos destinos. “Reconhecemos a importância do turismo para Foz do Iguaçu e queremos ampliar o interesse dos turistas internacionais pela cidade. Para isso, realizaremos mais encontros para alinharmos estratégias que aumentem os resultados já alcançados”, finalizou Kaefer.
Seminário “Promoção Internacional do Turismo no Brasil”
Ações para aproximar a Embratur das instituições estaduais e privadas ligadas ao turismo no Paraná já foram iniciadas. Em julho, o Instituto e o Ministério do Turismo, em parceria com a Paraná Turismo, a Secretaria de Turismo do Paraná e o SEBRAE-PR, realizam o seminário “Promoção Internacional do Turismo no Brasil”.
O seminário teve duração de um dia e na agenda estavam previstas apresentações sobre o “Plano Aquarela 2020”, a Marca Brasil, o Cadastur (Sistema de cadastro de pessoas físicas e jurídicas que atuam no setor de turismo) e os produtos turísticos paranaenses divulgados no exterior. Também foram ministradas palestras sobre o funcionamento, as ações e as competências de cada área da Embratur.
Turismo no Paraná
Atualmente, os principais produtos turísticos paranaenses promovidos no exterior são Foz do Iguaçu (ecoturismo, aventura e golfe), Curitiba (negócios e eventos) e Ilha do mel (sol e praia). Em 2010, 725.077 turistas internacionais desembarcaram no Paraná, número que supera em 9% o total registrado em 2009, quando 663.237 visitantes estrangeiros entraram no estado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *