Tarifas de hotéis no Brasil devem crescer até 34.1%, prevê CWT

[Por Hôtelier News, 08/12/2011]
Estudo realizado pela CWT (Carlson Wagonlit Travel), líder global especializada no gerenciamento de negócios e eventos, prevê que as tarifas de hotéis no Brasil tenham aumento de mais de 20% no início de 2012 e de até 34,1% no segundo semestre, em comparação com o ano de 2011.
De acordo com o levantamento, estes índices devem ser maiores do que em países como Argentina (alta de 5,4% a 10,1%), Colômbia (elevação de 2,0% a 6,6%) e México (-0,5% a +9,9%).
“Nos próximos anos, o mercado de hotéis do Brasil estará, sem dúvida alguma, muito em evidência. Enquanto não tivermos novos hotéis e, por conta disso, a demanda estiver crescendo, teremos impacto direto no aumento das tarifas”, analisa André Carvalhal, presidente da CWT Brasil.
Passagens aéreas
O estudo da CWT prevê também que as companhias aéreas sediadas na América Latina aumentem suas tarifas em quase 6% durante 2012, com a Colômbia liderando a alta entre 7,9% e 11,4%.
No Brasil, o aumento deve ser de 3,8% a 6,9%, enquanto a Argentina e a Colômbia vão registrar elevação de até 7,8% e 11,4%, respectivamente.
De acordo com o levantamento da CWT, o aluguel de carros na América Latina, durante 2012, será mais proeminente no Brasil, onde os preços deverão oscilar de -1,3% para +4,5%.
Metodologia
O estudo da CWT, que tem como objetivos orientar os clientes e diminuir o impacto do aumento dos preços nas organizações, foi desenvolvido a partir de um modelo estatístico que avalia o histórico dos preços e as previsões futuras dos mesmos, levando sempre em conta a expertise global da CWT.
As informações macro-econômicas utilizadas são da IHS Global Insight e das Nações Unidas – e todas as referências monetárias estão em dólares americanos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *