Sebrae-PR promove seminário sobre turismo de negócios e eventos

O Sebrae-PR vai promover no dia 28 de maio o 1º Seminário Turismo MICE, realizado pela entidade em parceria com a Fecomércio (Federação do Comércio do Paraná), Paraná Turismo e FC&VB (Federação dos Convention & Visitors Bureau). O evento técnico tem como objetivo promover a discussão de temas relevantes sobre o cenário do turismo de negócios e eventos para a economia paranaense, além de capacitação e a integração de ações com o Programa Paraná MICE.
Podem participar do encontro gestores de turismo em lugares que recebam turistas com o perfil MICE, organizadores de eventos corporativos e funcionários de locais para eventos, operadores e agentes de turismo especializados, gestores de restaurantes, empresas de serviços turísticos e acadêmicos do setor.
Ao longo do Seminário, serão detalhadas as ações do Programa Paraná MICE e discutidos temas de interesse, como marketing turístico de destinos e as ferramentas de promoção; as tendências internacionais do segmento; eventos associativos e feira de negócios.
“Serão apresentados ainda os resultados de uma pesquisa de demanda MICE, aplicada junto a clientes associativos e corporativos, que são geradores de demanda, e turistas de negócios, de congressos, de feiras e expositores”, complementa Aldo Carvalho, coordenador estadual de Turismo do Sebrae-PR.
No evento, também haverá um showroom com estandes para cada cidade atendida pelo Programa do Sebrae-PR, como Curitiba, Ponta Grossa, Londrina, Maringá, Cascavel, Foz do Iguaçu e Litoral. Segundo Aldo Carvalho, desde 2013, está sendo construída uma base de informações, por meio de pesquisas em serviços, estruturas disponíveis, instituições locais e empresas que demandam eventos corporativos, além de recolhimento de informações com o próprio turista de negócios, para a construção de estratégias e de planejamento, que serão apresentadas.
“Queremos mostrar ao setor as potencialidades de cada região e os produtos turísticos que já têm possibilidades de comercialização. Essas cidades possuem características distintas, em que podem ser desenvolvidas soluções específicas para estimular esse mercado, tais como missões técnicas e empresariais, programas de competitividade, criação de planos de ação e agendas de eventos, além de elaboração de marcas e materiais promocionais para a divulgação dos projetos”, enumera Aldo Carvalho.
[Por Hôtelier News , 18/05/2015]