Economia do Ceará arrecada R$ 961 milhões no período da Copa do Mundo

[Por Hôtelier News, 18/07/2014]
Um balanço final divulgado pela Secretaria do Turismo do Ceará demonstra que durante toda a realização da Copa do Mundo a economia cearense arrecadou uma renda direta de 961,6 milhões. Acompanhando o aumento, o impacto na economia local alcançou a marca de 1,6 bilhão. De acordo com o estudo, ambos os indicadores apresentam um crescimento de 173,74% no comparativo com o ano passado.
O fluxo de turistas no destino superou 169 mil estrangeiros. Ano passado, enquanto acontecia a Copa das Confederações, o número de visitantes internacionais chegou a 22 mil. O aumento também aconteceu com os turistas domésticos, que em 2013 representavam 178 mil e no mesmo período de 2014 a quantidade saltou para 194 mil.
Os principais emissores de turistas para o Ceará foram, nos mercados internacional e nacional, respectivamente: México (25,49%), Alemanha (17,13%), Estados Unidos (8,89%) e Holanda (7,39%); e São Paulo (24,53%), Rio de Janeiro (12,39%), e Rio Grande do Norte.
Até o dia 7 de julho, uma pesquisa divulgada por representantes da prefeitura de Fortaleza e do governo do Ceará apontava que o mundial injetou R$ 700 milhões no Estado, resultado superado até o final da Copa.