Entidades discutem o Turismo de Negócios no ​Seminário PR-MICE

[Por Mercado & Eventos, 02/04/2013]
Gestores e colaboradores da Federação de Convention & Visitors Bureaux do Estado do Paraná – FCVB-PR, Sistema Fecomércio Sesc Senac PR, Sebrae/PR e Secretaria de Estado de Turismo SETUR-PR estiveram reunidos no Seminário Paraná MICE, realizado na última quarta-feira, dia 27, no Sesc da Esquina, em Curitiba. O Seminário teve como proposta proporcionar a integração de todos os colaboradores e debater sobre a construção do Termo Referencial para o segmento no Estado.De acordo com o coordenador estadual de Turismo do Sebrae/PR, Aldo Cesar Carvalho, o projeto será implantado em Curitiba, Foz do Iguaçu, Cascavel, Ponta Grossa, Londrina e Maringá, cidades onde o Turismo de Negócios e Eventos é bastante representativo.
“A ideia é estabelecer uma rede de parcerias com as entidades locais e regionais para desenvolver este segmento, com a qualificação da cadeia produtiva desse importante segmento da atividade turística, respeitando a vocação de cada cidade”, afirma Carvalho.O Turismo de Negócios e Eventos é responsável pela atração de 43% dos 13,2 milhões de visitantes que o Paraná recebe anualmente. Em Curitiba, os turistas que vêm para participar de eventos empresariais representam 52% dos 3,5 milhões de visitantes anuais.
Para o presidente da FCVB-Pr, Sergio Takao Sato, “Vivemos um momento singular para o segmento no Estado. O envolvimento das quatro instituições em um único projeto e este ter visões sistêmicas e operacionais, assim como atuação nos âmbitos local e estadual já demonstra o reconhecimento dos impactos e as transversalidade a muitos outros setores econômicos pelo Turismo de Negócios e Eventos.”Segundo o presidente do Sistema Fecomércio, o Turismo engloba empresas de portes variados e contribui significativamente para a economia paranaense.
“Este programa consolidará o Paraná como destino competitivo para o segmento de negócios e eventos. Ao desenvolver esta parte do trade turístico, toda a economia local e estadual será incrementada”, avalia Piana.O projeto para impulsionar o turismo de negócios, que constitui o segmento Mice Meetings, Incentives, Conferences and Exhibitions, teve início no ano passado com a assinatura de um convênio com o Instituto Cerdà, de Barcelona Espanha e as instituições parceiras.
A entidade foi responsável pela capacitação da equipe técnica envolvida no projeto, em etapas que aconteceram em Curitiba e em Barcelona e continuará assessorando o grupo em 2013. Deise Bezerra, Assessora Técnica da SETU, lembra que em 2008 houve um levantamento feito junto com o Sebrae das potencialidades do segmento que resultou num material promocional especifico.