Acessibilidade: indústria turística deve observar o potencial do mercado, diz especialista

[Por BRASILTURIS, 27/01/2014]
A próxima edição do Brasilturis Jornal irá discutir um tema importante para a indústria turística brasileira. Acessibilidade – além de ser um direito de todo o cidadão – possui um potencial de mercado cada vez mais maior, conforme indica o entrevistado Ricardo Shimosakai, especialista no assunto.
 
Dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) de 2010 apontaram que mais de 45 milhões de brasileiros declararam possuir algum tipo de deficiência, número que representa cerca de 25% da população do País. Contudo, mesmo com o alto índice, o especialista diz que o profissional do mercado turístico brasileiro tem receio de investir no segmento. “Apesar de ainda não ter uma pesquisa oficial em relação ao cenário econômico acessível no Brasil, nos Estados Unidos adultos com deficiência movimentam mais de 14 bilhões de dólares por ano. Londres, por meio de um trabalho focalizado no ano das Paraolimpíadas, movimentou em 2012 mais de 3,2 bilhões de dólares”, afirma.
 
Em 2011, Shimosakai perdeu o movimento das pernas após ser baleado num sequestro relâmpago em São Paulo. Desde então, investe para que a indústria turística invista cada vez mais no segmento. “Ainda há muita coisa a se fazer. Os locais mais estruturados estão geralmente em grandes cidades, ou então em destinos como Bonito (MS), que apesar de um porte menor, está bem estruturada em relação ao turismo”, afirma. “Brasileiros com deficiência estão viajando cada vez mais, e num crescimento significativo, e cada vez mais exigentes por qualidade. O problema é que nesse perfil a procura por destinos internacionais tem sido a melhor escolha”.
O profissional ainda ponderou que a indústria deveria enxergar a pessoa com deficiência como um público consumidor, e então um grande alvo potencial para realizar investimentos. Segundo ele,  as iniciativas ainda são feitas muito baseadas em obrigações ou caridades.
 
 
A matéria sobre acessibilidade, que conta a história de Ricardo Shimosakai, estará disponível na edição da 1° quinzena de fevereiro do Brasilturis Jornal
 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *