Parceria fortalece empresas do setor de eventos

[Por Agencia Sebrae, 26/03/2013]
Permitir que micro e pequenas empresas da área de eventos e sua cadeia produtiva aproveitem as oportunidades da Copa do Mundo da FIFA 14 e Copa das Confederações. Com essa perspectiva, o Sebrae e a Associação Brasileira de Empresas de Eventos (Abeoc) vão implementar o Programa de Qualificação em Gestão e Certificação de Micro e Pequenas Empresas de Eventos (Programa de Qualidade Abeoc Brasil). O lançamento da parceria aconteceu no início da noite dessa terça-feira (26), na sede da Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC), em Brasília.
Para participar do projeto as empresas devem ser associadas à Abeoc e precisam procurar a instituição, que reúne aproximadamente 500 empreendimentos. “É a primeira vez que o Sebrae participa de um programa voltado para a área de eventos. Tenho certeza de que essa iniciativa irá causar impacto enorme na geração de emprego e no volume de negócios do segmento”, afirmou o presidente do Sebrae, Luiz Barretto. Segundo Barretto, o Sebrae tem o papel não só de sensibilizar os empreendedores para as oportunidades da Copa, mas para que possam sempre atuar de forma competitiva no mercado.
O programa será realizado em 12 estados: Amazonas, Bahia, Ceará, Espírito Santo, Goiás, Minas Gerais, Paraná, Pernambuco, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, Santa Catarina e São Paulo. A expectativa é de que inicialmente sejam beneficiadas 225 empresas. “Nos últimos anos, houve crescimento do mercado corporativo e na contratação de empresas de eventos. Essa parceria com a Abeoc é nosso primeiro passo juntos, mas nossa intenção é dar continuidade ao trabalho para beneficiar mais empreendimentos”, enfatizou Luiz Barretto.
O estudo Oportunidades para Micro e Pequenas Empresas na Copa 2014, do Sebrae, aponta 21 tipos de negócios que podem ser explorados no setor. Entre eles aparecem serviço de confecção de brindes, serviços de iluminação, montagem de provas desportivas de competição e entretenimento, sonorização e serviços de credenciamento.
A implementação do programa ocorrerá em dois módulos. A primeira etapa inclui um diagnóstico, realização de palestras e oficinas, com uma consultoria direta na empresa. A segunda fase prevê uma auditoria nos empreendimentos participantes para certificação pelo Selo de Qualidade Abeoc Brasil, caso seja atingido o desempenho necessário.
“A certificação por meio do Selo de Qualidade Abeoc Brasil é o grande destaque do programa, pois nosso setor ainda tem muitos aventureiros e empresas despreparadas. O Selo de Qualidade vai trazer segurança ao cliente e ao mercado na hora da escolher organizadores e prestadores de serviços”, ressalta a presidente da Abeoc Brasil, Anita Pires. Para Sérgio Bicca, coordenador executivo do programa pela Abeoc, a parceria fortalecerá toda a cadeia produtiva, como empresas fornecedoras.
[Republicado por Bem Paraná, 02/04/2013, por Pequenas Empresas, Grandes Negócios, 27/03/2013]