Número de eventos realizados no CCNATAL deve aumentar em 20%

[Por Portal Eventos, 24/01/2013]
Um dos principais equipamentos de realização de negócios do Nordeste, o Centro de Convenções de Natal deverá registrar em 2013 um aumento de 20% no número de eventos nacionais e internacionais de médio e grande porte. Segundo Nailson Azevedo, diretor executivo da Coohotur (Cooperativa de Desenvolvimento da Atividade Hoteleira e Turística), entidade responsável pela administração do CCNATAL, em 2012 o local registrou uma ocupação recorde de 280 dias, mantendo em média 100 eventos realizados ao longo do ano.
Segundo o executivo, para 2013 a ocupação do Centro de Convenções de Natal já está tecnicamente lotada, com vários seminários, feiras e congressos nacionais e internacionais agendados, principalmente na área médica. “Temos uma expectativa muito boa para a realização de grandes eventos este ano. É um momento incomum para Natal. Devemos ter cerca de 30 ótimos eventos de envergadura nacional e internacional para movimentar a economia da cidade e, consequentemente, toda a cadeia produtiva do turismo”, destaca ele.
Para Azevedo, a tendência dos eventos corporativos está crescendo, graças a necessidade de atualização do desenvolvimento humano em todos os campos da atividade. “Um exemplo deste fato são os inúmeros congressos que estão previstos para serem realizados na área médica”, comenta. O expressivo número de eventos realizados no Centro de Convenções de Natal ao longo de 2012 contribuiu significativamente para movimentar a economia da capital potiguar. Segundo revela Azevedo, cerca de R$ 140 milhões foram injetados na economia local.
O diretor informa ainda que os dirigentes da Cooperativa de Desenvolvimento da Atividade Hoteleira e Turística já estão mantendo entendimentos com o governo do Rio Grande do Norte, proprietário das instalações onde funciona o CCNATAL, para que o equipamento seja ampliado. “O Estado já acenou a favor em caráter de urgência. Existe um projeto em andamento para ser executado. A estrutura atual, de 15 mil metros quadrados passará a ser de 25 mil metros quadrados após a conclusão das obras”, afirma.