Braztoa espera faturamento de R$ 10,82 bi em 2012

[Por Panrotas, 01/08/2012]
A Braztoa apresentou hoje (dia 1º de agosto) em São Paulo edição 2012 de seu anuário, que traz dados sobre o desempenho das operadoras em 2011. O presidente da entidade, Marco Ferraz, destacou os 29% de crescimento financeiro que as operadoras associadas – que representam 90% do setor, segundo ele – obtiveram em 2011, cerca de R$ 9,8 bilhões. A expectativa para este ano é que o faturamento chegue a R$ 10,82 bilhões, alta de 10%.
Um dos destaques desta segunda edição do anuário, para Ferraz, é o detalhamento das vendas por região, que não estavam presentes no ano passado. No doméstico, o Nordeste liderou com folga, representando 54% das vendas, ao passo que o Sudeste ficou com 30% e Sul, com 12%. As regiões Norte e Centro-Oeste ficaram com 4% juntas.
No internacional, a América do Norte ficou com 38% das vendas, à frente da Europa, com 34%. América do Sul representou 15%; América Central vem na sequência, com 10%, seguida de África, Ásia e Oceania que, juntas, representaram 3% das vendas. “Neste último grupo, apesar de a fatia ser menor, o valor do tíquete médio é muito superior ao dos outros destinos”, ressalta Ferraz.
A publicação também conta com artigos do presidente de CEO do WTTC, David Scowsill; do COO da Accor para América Latina, Roland Bonadona; do vice-presidente executivo da Tap, Luiz da Gama Mor; do professor da UFRJ, Respicio Santo Jr.; e do diretor executivo da OMT, Márcio Favilla de Paula.
NÚMEROS DO DOMÉSTICO
Aéreo e terrestre
Em 2010, os pacotes que incluíam aéreo e terrestre representavam R$ 2,2 bilhões, com 1,9 milhão de passageiros transportados. No ano passado, foram R$ 2,8 bilhões, com 2,2 milhões de passageiros.
Somente terrestre
Em 2010, houve faturamento de R$ 440,3 milhões, com 718 mil transportados. No ano passado, ficaram com R$ 957,4 milhões, com 1,3 milhão de transportados.
Cruzeiros
O faturamento, em 2010, ficou em R$ 910,4 milhões, com 713 mil transportados. No ano passado, o desempenho foi de R$ 1,07 bilhão com 712 mil passageiros.
Rodoviário
Há dois anos, o desempenho foi de R$ 39,3 milhões, com 43 mil transportados. Em 2011, ficou com R$ 40,5 milhões, com 41 mil passageiros.
NÚMEROS DO INTERNACIONAL
Aéreo e terrestre
Em 2010, os pacotes que incluíam aéreo e terrestre representavam R$ 3,02 bilhões, com 1,05 milhão de passageiros transportados. No ano passado, foram R$ 3,4 bilhões, com 1,1 milhões de passageiros.
Somente terrestre
Em 2010, houve faturamento de R$ 445,4 milhões, com 208 mil transportados. No ano passado, ficaram com R$ 808,4 milhões, com 401,8 mi de transportados.
Cruzeiros
O faturamento, em 2010, ficou em R$ 236,2 milhões, com 120 mil transportados. No ano passado, o desempenho foi de R$ 366,6 milhões, com 159 mil passageiros.
Rodoviário
Há dois anos, o desempenho foi de R$ 2,6 milhões, com 2,2 mil transportados. Em 2011, ficou com R$ 2,1 milhões, com 1,6 mil passageiros.
Uma versão em PDF do anuário está disponível no site da Braztoa. Confira aqui.