Evento discute produção sustentável do turismo

[Por Sebrae, 05/12/2011]
Estima-se que 600 mil estrangeiros e um milhão de brasileiros viajem pelo Brasil durante a Copa de 2014. Com o aquecimento da economia, espera-se que, além das 12 cidades-sede do evento, destinos turísticos vizinhos também sejam beneficiados com o mundial. Discutir as inovações, tendências e produção sustentável do turismo é a proposta de um Seminário realizado pelo Sebrae nesta segunda-feira (05/12) e terça-feira (06/12), no município de Bonito (MS).
A cidade é referência mundial em ecoturismo – são 263 empreendimentos, entre hotéis, pousadas, resorts, agências, empresas de transporte e restaurantes. A atividade atraiu no ano passado 180 mil visitantes, movimentando R$125 milhões em negócios, segundo dados municipais. O diretor de Turismo de Bonito, Clayton Castilho Gomes, espera que a Copa de 2014 traga um aumento de 30% no fluxo de visitantes.
Aproveitar as oportunidades com o mundial esportivo é um dos assuntos que serão abordados no Seminário. “A proposta é apresentar aos empresários como gerar negócios, antes, durante e depois de grandes eventos”, explica a consultora em Relações Internacionais do Sebrae, Sarah Albrecht. Ela vai ministrar a palestra “Mega eventos esportivos: Olimpíadas 2016 e Copa do Mundo 2014”.
Segundo ela, as micro e pequenas empresas que integram a cadeia produtiva do turismo – como agências de viagens, meios de hospedagem, bares e restaurantes – aguardam esse aquecimento econômico, que deve abranger inclusive a produção agrícola. “A agricultura familiar também pode aproveitar esse momento para fornecer alimentos às empresas de pequeno porte”, explica Sarah.
Caravanas organizadas pelo Sebrae levarão produtores rurais de Sidrolândia, Nioaque, Jardim, Porto Murtinho e Bodoquena para o evento em Bonito. Serão duas palestras voltadas para o setor com os temas “Integração da produção sustentável com a cadeia do turismo” e “Hortifruti orgânicos: tendências de consumo e mercado”. As apresentações serão conduzidas pelo Instituto Biosistêmico (IBS). Haverá ainda apresentação do caso de sucesso de um produtor de orgânicos de Terenos e a oficina de planejamento de produção conduzida pelo Instituto Maytenus.
Os desafios e as tendências para o turismo serão apresentados pela presidente do Conselho de Turismo e Negócios da Fecomércio/SP, Jeanine Pires, que presidiu a Embratur até o ano passado. O turismo de luxo e experiência é uma das novidades levadas aos empresários pela especialista em mercado de luxo, Gabriela Otto. Trabalhar a imagem da empresa é a proposta das palestras “Sua empresa na rede social” e “Identidade visual e marca da empresa”.
Programação
Na terça-feira (06/12), as palestras e oficinas serão realizadas das 9h às 15h20, com participação gratuita. O seminário, que tem apoio do Conselho Municipal de Turismo (Comtur) e da Prefeitura Municipal, acontece no Centro de Convenções de Bonito, localizado à Rodovia MS 178, km 2.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *