Profissionais de eventos pedem retomada do setor no Estado de Pernambuco

De acordo com a ABEOC-PE, o setor criou um protocolo para a retomada dos eventos sociais e eventos menores

Uma manifestação popular foi realizada na manhã desta terça-feira (1º) para pedir a retomada do setor de eventos. Organizado pelo Comitê da União de Profissionais e Fornecedores de Eventos, que tem como uma das integrantes a Associação Brasileira das Empresas de Eventos Regional de Pernambuco (Abeoc-PE), o movimento se concentrou na Praça do Derby, área central do Recife, e seguiu em caminhada pela Avenida Conde da Boa Vista até o Palácio do Campo das Princesas para pedir a reabertura ao governo do Estado.

De acordo com a Abeoc-PE, o setor criou um protocolo para a retomada dos eventos sociais e eventos menores. A proposta seria iniciar a retomada em fases, com número de público menor no início até chegar aos eventos de maiores aglomerações.

“A retomada que estamos propondo é de forma gradual e segura para os trabalhadores e os participantes do evento. É uma retomada que comece pelos espaços que já estão liberados, respeitando protocolos e de acordo com as fases que foram debatidas. Seria zoneamento de acordo com um número de público”, explicou Tatiana Marques, presidente da Abeoc-PE.

Essa retomada prevê várias categorias de eventos, como eventos sociais (casamento, formatura), corporativos (workshops, seminários), culturais (teatros, shows, cinemas). Ainda segundo Tatiana, representantes do setor esperam, com a manifestação, uma audiência com o governador de Pernambuco, Paulo Câmara.

A Secretaria da Casa Civil de Pernambuco informou que uma comissão formada por representantes dos trabalhadores da área de eventos foi recebida nesta terça-feira (01), no Palácio do Campo das Princesas, pelo secretário-executivo de Articulação e Acompanhamento, Eduardo Figueiredo. Na ocasião, o secretário-executivo explicou que os protocolos de retomada da atividade estão sendo analisados e discutidos no Comitê Socioeconômico de Enfrentamento ao Coronavírus.

Ainda nesta terça-feira, às 16h, haverá uma nova reunião, por videoconferência, entre o segmento e representantes das secretarias da Casa Civil, de Desenvolvimento Econômico e da Empresa de Turismo de Pernambuco (Empetur).

 

 

Fonte: Folha de Pernambuco

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *