Encatho & Exprotel: João Doria fala sobre projeções econômicas para o mercado nacional

[Por Hôtelier News, 29/05/2015]
Buscar alternativas na crise e olhá-las como oportunidades é o conselho dado por João Doria aos hoteleiros presentes no Encatho & Exprotel. O executivo falou sobre a sua proximidade com o segmento de turismo – primeiro como secretário da pasta em São Paulo, depois como presidente da Embratur e até hoje como conselheiro do SPCVB (São Paulo Convention & Visitors Bureau) – e sobre o momento de crise atual no País.
Relembrando que o Brasil já passou por outras situações de instabilidade econômica, o empresário destacou a importância da postura do empresário frente à crise. “Estamos na mais grave crise institucional no Brasil e um problema de credibilidade. Sempre bati nesta tecla da confiação no País. Mas vai ficar pior se ficarmos somente reclamando”, colocou o executivo.
“O ramo de vocês é muito difícil, porque é instantâneo. Se você não vendeu aquele quarto, passou”, colocou. Dentro deste cenário, é preciso buscar novos clientes, soluções criativas e, principalmente, é o momento de trabalhar unido, segundo Doria. “Estreitem o diálogo, busquem informações, leiam, participem de seminários como este. O caminho mais fácil é demitir. O caminho mais difícil é procurar onde você pode incrementar a ocupação do seu hotel”, aconselhou.
Ele ainda citou o exemplo de tenacidade que teve dos pais, buscando a superação. “O setor de serviços, que é onde a hotelaria se encaixa, até pouco tempo podia respirar, agora já está sofrendo os efeitos da crise. Mas o Brasil não vai acabar com esta recessão econômica, não vai acabar com o escândalo da Lava Jato”, opinou. “Por favor, não desistam do Brasil”, completou o empresário.