Turismo de eventos movimenta economia de João Pessoa

O Observatório de Turismo de João Pessoa apresentou nessa terça-feira (9) o perfil dos eventos profissionais realizados na capital paraibana em 2012. Segundo o levantamento, cerca de 4,7 mil pessoas estiveram na cidade para participar de eventos – esses turistas injetaram na economia local R$ 8,6 bilhões no ano passado.
A pesquisa mostrou também que dos 979 participantes dos oito maiores eventos, 36% residem na região Nordeste, 54% têm entre 18 e 29 anos, 30% possuem renda média acima de R$ 5 mil e 52% têm pós graduação. “Os dados mostram que João Pessoa concentra um grande potencial para o turismo de eventos, mas que ainda há muito a ser feito. É preciso investimento e parcerias dos setores público e privado”, destacou o gerente do Convention & Visitors Bureau de João Pessoa, Ferdinando Lucena.
A gestora de Turismo do Sebrae na Paraíba, Regina Amorim, destacou a importância do trabalho em conjunto para a realização da pesquisa e enfatizou o setor como uma oportunidade de negócio. “O turismo de eventos pode amenizar a sazonalidade do turismo em João Pessoa. Mas, para isso, os profissionais locais precisam estar preparados”. Regina lembrou que no próximo dia 15 terá início o curso de Formação de Empreendedores em Eventos, promovido pelo Sebrae.
O secretário de Turismo de João Pessoa, Roberto Brunet, também esteve presente à apresentação da pesquisa e ressaltou a importância de se ter dados sobre o setor. Já a presidente da Empresa Paraibana de Turismo (PBTur), Ruth Avelino, destacou a inauguração do Centro de Convenções de João Pessoa como mais um fomentador do setor. “Informação é tudo e, com ela, temos mais poder. Com essa pesquisa, damos o pontapé inicial para melhorarmos o turismo de eventos no estado”.
A pesquisa foi realizada pelo Convention & Visitors Bureau de João Pessoa em parceria com o Sebrae na Paraíba, prefeitura de João Pessoa, governo da Paraíba, Fecomércio, ABIH e Iesp.
Curso forma empreendedores
O Sebrae na Paraíba irá iniciar no dia 15 de abril o Curso de Formação de Empreendedores em Eventos. A capacitação terá oito módulos, 200 horas de carga horária e sete facilitadores com experiência e renome nacional. Durante as aulas, o aluno aprenderá a prática de habilidades específicas como o planejamento, a organização, a gestão e a realização de eventos dos mais diferentes tipos. Ao final da capacitação, os alunos realizam um evento na prática.
Regina Amorim destacou a importância da capacitação para atuar no mercado de eventos. “O setor de eventos oferece um leque de oportunidades, mas é preciso ter conhecimento sobre o que se vai trabalhar, com planejamento e organização”.
[Sebrae, 10/04/2013]