Estádio Nacional pode virar exemplo de arena multiuso

[Por ABEOC-SC, 25/10/2012]
O palco do ponta pé inicial da Copa das Confederações 2013 recebeu na terça-feira da semana passada (25) o ministro do Turismo, Gastão Vieira. Convidado pelo governador do Distrito Federal, Agnelo Queiroz, Vieira elogiou a obra e afirmou que a arena esportiva pode se transformar em exemplo de equipamento multiuso para o país pela localização estratégica no centro da cidade. “A obra está adiantada e tem um amplo potencial para aumentar o fluxo turístico da capital”, comentou Gastão Vieira. De acordo com o governo do Distrito Federal, a arena será administrada por uma empresa especializada em entretenimento para garantir uma agenda intensa de eventos. A construção do Estádio Nacional emprega atualmente 4 mil trabalhadores e está dentro do cronograma pré-estabelecido, com 72% da execução finalizada. A conclusão está prevista para março de 2013, quando o local estará pronto para atender a 71 mil torcedores. O estádio de Brasília tem se destacado pela implementação de conceitos sustentáveis, como a reutilização da água das chuvas para irrigação do gramado e vasos sanitários, captação de energia solar e sistema de ventilação natural, com uso reduzido de ar-condicionado.