STR Global: diária hoteleira média aumentou 17,4% em janeiro no Brasil

[Por Business Travel Magazine, 29/02/2012]
A STR e a STR Global, empresas especializadas em pesquisas e análises de dados para a indústria de hotéis, divulgou os resultados referentes à performance da hotelaria nas Américas em janeiro de 2012. A região registrou resultados positivos nas três principais métricas de aferição de performance, quando compiladas em dólares americanos. A região como um todo registrou um aumento de 3,9% em ocupação, para 49,8%, um ganho de 3,7% em ADR (average daily rate ou diária média), para US$ 103.98, e um aumento de 7,7% em RevPAR (revenue per available room) para US$ 51.81.
Entre os principais mercados da região, Chicago registrou o maior aumento em ocupação (+15,4%, para 47,4%), seguido pelo Rio de Janeiro (+8,4%, para 82,4%). A cidade do Panamá experimentou grandes quedas nas três métricas de performance. Sua ocupação caiu 15,0%, para 55,4%; sua ADR baixou 9,0%, para US$ 121.60; e seu RevPAR despencou 22,7%, para US$ 67.32. São Paulo registrou a maior alta em ADR (+15,5%, para US$ 144.40), seguida pelo Rio de Janeiro (+13,7%, para US$ 218.13) e por San Francisco (+10,4%, para US$ 157.48). Três mercados registraram aumento de RevPAR superior a 15% em janeiro nas Américas: Chicago (+24,3%, para US$ 46.39), Rio de Janeiro (+23,2%, para US$ 179.71) e Miami (+15,8%, para US$ 148,71).
Segundo dados compilados pela STR e STR Global, em janeiro último, a taxa média de ocupação no Brasil caiu 5,0%, para 60,5%. Por outro lado, a diária média (em reais) aumentou 17,4%, para R$ 252,79. Em decorrência, o RevPAR evoluiu positivamente 11,5%, para R$ 153,05.
 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *