Paratur negocia R$ 44 milhões para fomentar turismo

[Por Mercado e Eventos, 09/01/2012]
O turismo paraense deve receber, neste ano, um investimento de US$ 44 milhões por meio do Programa de Desenvolvimento Turístico (Prodetur), organizado pelo Ministério do Turismo. São recursos em negociação com o Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) e o Governo do Estado, por meio da Companhia Paraense de Turismo (Paratur), além de outras fontes estaduais. A prioridade para aplicação desse dinheiro será para os Pólos Belém (Belém, Icoaraci e Ilhas do Mosqueiro, Combu, Cotijuba e Caratateua), Marajó (Salvaterra, Soure e Ponta de Pedras) e Tapajós (Santarém e Belterra).
O arquipélago marajoara receberá a maior parte dos investimentos. No total, US$ 22 milhões serão destinados às necessidades que o Plano Estratégico de Turismo, lançado em novembro do ano passado. Segundo o presidente da Paratur, Adenauer Góes, essas necessidades vão desde o transporte para a ilha e saneamento até a qualificação da mão de obra local.
No relatório do Prodetur, constam ações dividas em cinco eixos. Estratégias do produto turístico, que visam à qualificação de empresários, profissionais e comunidades para recepcionar o turista; comercialização, com ações de marketing voltadas para promoção de produtos turísticos; fortalecimento institucional, fornecendo apoio à gestão turística estadual e municipal através da aquisição de equipamentos e apoio técnico; infraestrutura e serviços básicos, com obras nos setores de energia, telecomunicações, saúde, segurança, entre outros; e gestão ambiental, que vai cuidar das avaliações ambientais estratégicas, planos de manejo e demais ações.
Os trabalhos de qualificação das populações locais já começaram, segundo o presidente da Paratur. Em 2011, foi realizado um Plano Emergencial de Qualificação no Turismo, que certificou mais de 1300 pessoas em 15 municípios, em noções de inglês básico, qualidade no atendimento, elaboração de roteiros turísticos, hotelaria e gestão de negócios. Para este ano, a meta é atingir 10.280 pessoas em 68 localidades. “Os fluxos da Copa de 2014 e das Olimpíadas de 2016 motivam ainda mais esses investimentos da Paratur”, disse.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *