Governo do Rio institui Conselho Estadual de Segurança Turística

O Governo do Estado publicou no Diário Oficial desta sexta-feira (25/02) o decreto 47.969, que institui o Conselho de Segurança Turística (Consetur). A medida tem como finalidade qualificar as estratégias integradas voltadas para a segurança turística, o monitoramento de indicadores e acompanhamento do calendário de eventos do Estado do Rio de Janeiro.

O Consetur será presidido pela Secretaria de Estado de Turismo (Setur-RJ) e terá como integrantes os secretários de Polícia Civil e de Polícia Militar, além do delegado titular da Delegacia Especial de Apoio ao Turismo (DEAT), do comandante do Batalhão de Policiamento em Áreas Turísticas (BPTur) e de representantes dos municípios e da sociedade civil.

– A criação do Conselho de Segurança Turística atende a uma demanda do setor para que as ações sejam integradas e coordenadas, com alinhamento também com os demais envolvidos na cadeia turística. Com isso, vamos oferecer ainda mais segurança aos moradores e turistas. Não dá para fazer turismo de qualidade sem infraestrutura de qualidade, assim como precisamos aprimorar cada vez mais nossa forma de fazer segurança pública – afirmou o governador Cláudio Castro.

Entre as diretrizes estabelecidas, estão o planejamento de ações integradas a partir da elaboração de índice de relevância pelo Instituto de Segurança Pública (ISP), que irá definir os locais e regiões prioritárias para adoção de medidas qualificadas de segurança turística; apoiar a elaboração de estratégias para integrar as ações de formação e capacitação continuada em segurança turística para os profissionais de segurança pública; e propor a abertura e manutenção de canais permanentes de diálogo com o setor privado e os diversos órgãos públicos voltados ao turismo.

Para o secretário de estado de Turismo, Gustavo Tutuca, instituir o Consetur é fundamental para que as ações sejam planejadas e executadas de acordo com as necessidades que forem sendo apresentadas, tanto nos levantamentos realizados pelos órgãos de segurança pública quanto no diálogo com a sociedade civil, que também terá representação no conselho.

– É fundamental que estejamos todos juntos para garantir a segurança dos nossos visitantes. Quanto mais qualificada forem as ações, maior efetividade teremos. Assim, poderemos trabalhar em cima dos resultados positivos que forem sendo gerados, consolidando o Rio de Janeiro como um destino seguro para os seus turistas, fomentando o setor e gerando desenvolvimento econômico e social – finalizou o secretário.

 

Fonte: TV Prefeito