Com mais de 43 eventos, Iguassu CVB deve gerar R$ 60 milhões em negócios para a cidade

[Por Hôtelier News, 08/08/2014]
Um balanço realizado ICVB (Iguassu Convention & Visitors Bureau) aponta que o trabalho realizado pela entidade no primeiro semestre deste ano, no setor de eventos, levará a Foz do Iguaçu, no Paraná, mais de 37 mil pessoas, as quais deixarão na cidade cerca de R$ 60 milhões.
Mesmo em um ano considerado atípico, em decorrência do Copa do Mundo e das eleições que acontecem daqui alguns meses, a entidade já captou 13 eventos e apoiou outros 30, que devem gerar aproximadamente 150 mil diárias.
Para Basileu Tavares, gerente de Eventos do ICVB, os números são positivos e refletem o trabalho da entidade na busca de novos eventos e na atração de mais turistas para Foz do Iguaçu. “A desaceleração em alguns setores, como no de eventos, é natural em decorrência de atividades como a Copa do Mundo, já trabalhamos o primeiro semestre com isso em mente, mas em busca de reverter o cenário apresentado. Portando, a retração nacional para nós não significou menos trabalho, e sim, mais atividades”.
Fernando Martin, Presidente do ICVB, acredita que com o trabalho da entidade e a união de forças da Gestão Integrada do Turismo de Foz, esses números tendem a melhorar até o final do ano. “Nossa parte estamos fazendo, e em anos em que se aponta uma mudança ou mesmo uma retração, devemos mostrar ainda mais ações e atitudes que irão nos manter como um destino que cresce constantemente no número de visitantes e eventos, um destino referência em receptividade”, avalia Martin.
O cálculo realizado considera os participantes dos eventos captados e apoiados, a duração de cada um deles e a estimativa de gasto médio diário do turista de eventos acordada nacionalmente em R$ 400,00, um valor que abrange gastos com hospedagem, alimentação, transporte, diversão e compras.