BNDES aprova R$ 417 milhões para dois novos hotéis no Rio

Hilton e Grand Hyatt serão construídos na Barra da Tijuca, Zona Oeste, e devem acrescentar 734 quartos à oferta de hospedagem na cidade
O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) aprovou R$ 417 milhões para a construção de dois novos hotéis no Rio de Janeiro. Os empreendimentos serão financiados pelo BNDES ProCopa Turismo, programa do Banco voltado à ampliação e modernização do parque hoteleiro nacional.
Do valor aprovado, R$ 118,5 milhões serão para a Carvalho Hosken Hotelaria LTDA., responsável pela construção do Hilton Barra. Os demais R$ 298,5 milhões destinam-se à Rio JV Partners Participações LTDA., empresa do Grupo Hyatt que implantará o Grand Hyatt Barra.
Os dois empreendimentos devem gerar cerca de 2.580 empregos diretos e indiretos, consideradas as etapas de execução das obras e de operação dos hotéis. Ambos os financiamentos incluem também a realização de projeto social pelas empresas, no valor total de R$ 2,1 milhões.
Com inauguração prevista para 2015, os dois projetos contribuem para a infraestrutura hoteleira das Olimpíadas de 2016, uma vez que estão situados na região que mais cresce na cidade e no bairro mais importante para a competição, que abrigará a maioria das modalidade e a própria Vila Olímpica.
Hilton Barra – O hotel terá padrão upscale, com 298 apartamentos, restaurantes, salas de ginástica, business center e estacionamento. O financiamento do BNDES corresponde a 71% do investimento total no projeto, que foi concebido de forma a atender aos critérios de certificação do Sistema de Gestão de Sustentabilidade para Meios de Hospedagem.
O hotel será erguido ao lado do Shopping Metropolitano — que também está em construção na Barra da Tijuca — e próximo a equipamentos como o Parque Olímpico e a Vila Olímpica. Durante as obras, a estimativa é de que sejam gerados 458 empregos diretos e 89 indiretos. Após a conclusão do projeto, a previsão é de 196 postos de trabalho diretos e 98 indiretos.
Do financiamento aprovado pelo BNDES, R$ 600 mil serão destinados à criação de um Centro de Formação e Especialização Profissional para a Construção Civil, a ser mantido pela Carvalho Hosken Hotelaria e seus parceiros. O objetivo é disponibilizar gratuitamente aulas de formação e especialização para operários de toda a cadeia produtiva da industria da construção civil.
Grand Hyatt – Em formato de resort de serviços, com 436 apartamentos e padrão top, o empreendimento estará localizado entre a Avenida Lucio Costa (que margeia a praia da Barra) e a Lagoa de Marapendi. O projeto arquitetônico prevê vista para ambas.
O financiamento do BNDES corresponde a 57% do investimento total no projeto, que será o primeiro do grupo no Rio. Durante a fase pré-operacional, devem ser gerados cerca de 200 empregos diretos e 440 indiretos. Após a conclusão, a estimativa é de 785 empregos diretos e 313 indiretos.
Do valor total financiado, R$ 1,5 milhão será destinado a projetos sociais desenvolvidos pelas organizações sem fins lucrativos Alfasol e Roda Viva, sendo metade para cada uma delas.
A Alfasol atua há 16 anos na oferta de educação profissional a jovens e adultos, já tendo recebido prêmios da Unesco, da Cepal e da ONU. A Roda Viva, por sua vez, desenvolve o programa A comunidade construindo o futuro, que busca oferecer educação integral e a crianças e adolescentes em situação de vulnerabilidade social.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *