Governo tcheco autoriza volta de eventos ao ar livre para 700 pessoas

A partir de segunda-feira, dia 17 de maio, será possível realizar eventos culturais ao ar livre, com um máximo de 700 espectadores, na República Tcheca.

A entrada está condicionada a passar em um teste de PCR, feito com um mínimo de 14 dias a partir da vacinação ou um máximo de 90 dias a partir da contração de covid-19.

A informação foi afirmada pelo Ministro da Cultura, Lubomír Zaorálek (ČSSD), numa conferência de imprensa após a reunião governamental da última segunda-feira.

Os eventos culturais realizados em ambientes fechados provavelmente serão aprovados pelo governo uma semana depois.

Segundo Zaorálek, ao contrário do acordo original com o Ministério da Saúde, não foi possível fazer valer a possibilidade de realização de eventos culturais na mesma data.

Porém, segundo ele, o governo adotou uma resolução no sentido de que se continuar a tendência favorável e, se atingir o desenvolvimento de 75 novos infectados por 100 mil habitantes por semana na próxima semana, será possível realizar eventos culturais em locais fechados a partir de 24 de maio.

A condição será uma ocupação máxima de 50 por cento da capacidade dos lugares sentados, um máximo de 500 pessoas no interior e 1000 pessoas no exterior.

Novamente será exigida vacinação, teste ou distância da doença não superior a 90 dias.

 

Fonte: Portal Radar