AMBEV doa R$ 1,2 milhão para ajudar profissionais de eventos de Salvador

A cervejaria AMBEV doará o total de R$ 1,2 milhão para o programa SOS Cultura, o valor será destinado exclusivamente ao pagamento do auxílio emergencial aos trabalhadores do setor.

Segundo a empresa, a doação representa quase 40% da cota do SOS Cultura destinada ao setor privado. Com essa iniciativa, a cervejaria quer incentivar outras empresas a fazerem o mesmo.

“O segmento cultural sempre esteve ao nosso lado nos momentos de celebração, promovendo os grandes eventos da cidade. Nesse momento tão difícil, é hora de retribuir a parceria”, afirmou Rodrigo Moccia, diretor de relações institucionais da Ambev.

Através do SOS Cultura a prefeitura vai conceder auxílio emergencial no valor de R$ 1.1 mil para profissionais do setor.

A expectativa é atingir cerca de 6 mil profissionais de diversas áreas da cultura, impactados com a ausência de eventos na capital baiana.

O investimento total será de R$ 6.6 milhões. Deste valor, 50% serão pagos pela prefeitura e os demais 50% subsidiados pela iniciativa privada.

Quem pode receber o auxílio:

Terão direito ao valor pessoas que atuam em diversos segmentos, como arte de rua, audiovisual, circo, cultura identitária e popular, dança, gestão cultural, literatura, patrimônio cultural, teatro, trabalhadores do centro histórico, de eventos, entre outras áreas.

Um dos critérios é que os beneficiários deverão ter tido renda declarada de no máximo três salários mínimos, em 2020.

Os trabalhadores da área da cultura devem estar cadastrados na Fundação Gregório de Mattos (FGM) em plataforma própria e validados mediante documentação pessoal e documento comprobatório da sua atuação cultural.

Também integram a lista os trabalhadores do setor de eventos e eventos sociais cadastrados na Empresa Salvador Turismo (Saltur) ou na Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico, Trabalho, Emprego e Renda (Semdec), conforme pleitos das organizações representativas do setor; e trabalhadores do Centro Histórico cadastrados na Secretaria Municipal de Cultura e Turismo (Secult).

Não terão direito ao auxílio do SOS Cultura os titulares de benefício previdenciário do Regime Próprio de Previdência Social de Salvador; servidores públicos municipais e estaduais; beneficiários cadastrados no auxílio Salvador por Todos; e os titulares de benefício previdenciário e/ou socioassistencial do Regime Geral de Previdência Social do INSS.

As inscrições para receber o auxílio ficaram abertas até 18 de março deste ano.

 

Fonte: Portal Radar