Comunicado sobre a greve dos caminhoneiros

greve dos caminhoneiros
Prezados Associados,
A ABEOC BRASIL– Associação Brasileira das Empresas de Eventos, acompanhando de perto o movimento iniciado pelos caminhoneiros e que se estende por todo o País, inclusive com bloqueio de algumas estradas, presta as seguintes orientações aos senhores, principalmente visando minimizar problemas contratuais:

  • É de suma importância que centros de convenções, promotoras, montadoras e demais elos dessa corrente estejam totalmente alinhados.
  • Como primeira providência, sugerimos total aproximação entre as partes, com clara e total troca de informações para que se chegue a um consenso. Todas as partes estão, obviamente, sendo prejudicadas. Busquem trocar notícias sobre os trajetos até o local do evento, mantenham-se informados sobre a situação dos veículos paralisados e o quanto isso afeta a realização do evento e até mesmo tire fotos e envie, comprovando o problema.
  • Essa conversação com o cliente,principalmente, pode resultar em novas possíveis rotas, mesmo com maiores custos, amenizando o problema
  • Essa aproximação é importante para mostrar seu comprometimento. A reciprocidade de notícias deve ser “full time”, uma ação conjunta em busca de soluções. Afinal, todos estão perdendo.
  • Se você é promotor, também mantenha uma comunicação 24 horas por dia. Mantendo todos atualizados, se preferencialmente por escrito, de tudo que está acontecendo, sobre os atrasos e na montagem. Dessa interação entre todos os envolvidos podem surgir ideias. Até mesmo com a prestação de serviços de parceiros locais.
  • Essa comunicação deve incluir,inclusive, troca e arquivamento de matérias jornalísticas, sobre o movimento, principalmente as que afetam, direta ou indiretamente o evento em questão.
  • Solicite maiores prazos e mantenha o cliente ciente de suas razões, sempre atualizadas.
  • Mantenha também a sua assessoria jurídica informada sobre todo o andamento das conversações.

Estas são recomendações para a situação imediata, buscando, voltamos a frisar, amenizar este grande problema que se agrava a cada novo dia de greve. Esperando que as negociações cheguem o mais rapidamente possível a um contento, nos solidarizamos com nossos associados, seus clientes e todo o mercado de eventos, para que encontrem a serenidade necessária para atravessar esse momento de crise.
ABEOC BRASIL