Confira dez fatos econômicos e curiosos sobre viagens de incentivo

[Por  Panrotas, 29/05/2017]
Você sabe quais têm sido os destinos mais procurados para viagens de incentivo? Ou que o gasto médio por pessoa com esse tipo de viagem vem aumentando nos últimos anos? Confira a seguir dez fatos econômicos e curiosos sobre este mercado, divulgados pela Incentive Research Fundation.
1- Os destinos mais escolhidos para viagens de grupo de incentivo são Estados Unidos, Caribe, México e Europa;
2- 38% de todas as empresas norte-americanas com mais de US$ 1 milhão em receitas promovem viagens de incentivo para seus funcionários;
3- Mais de US$ 14 bilhões são gastos anualmente pelas empresas norte-americana com viagens de incentivo;
4- A pontuação de otimismo líquido para viagens de incentivo no final de 2016 foi de 26%, o que significa que a indústria ainda é moderadamente positiva sobre as perspectivas relacionadas a esse tipo de viagem;
5- Desde o final de 2016, o orçamento de viagens de incentivo gasto por pessoa passou a ser de US$ 3 mil a US$ 4 mil, embora cerca de 40% da indústria gaste mais;
6- O gasto médio por pessoa em viagens de incentivo aumenta 5% anualmente, desde o final de 2014;
7- O Índice de Otimismo Líquido Econômico para viagens de incentivo dos Estados Unidos acompanha de perto o desempenho econômico global do país, muitas vezes agindo como um indicador principal;
8- Quase 60% dos gestores de viagens já tiveram algum problema em seus eventos por conta de fatores como zika vírus, terrorismo ou furacões, e estimam que quase um quarto dos eventos foram afetados de alguma forma por problemas como estes;
9- Os gestores de viagens consideram “execução impecável” o item principal para que seus parceiros de hotelaria mais confiáveis agreguem valor ao relacionamento, enquanto os hoteleiros acreditam que “fornecer uma visão forte” é questão fundamental para que seus parceiros de planejamento mais confiáveis agreguem valor ao relacionamento;
10- Os conceitos de wellness mais bem vistos em reuniões empresariais atualmente envolvem bebidas menos calóricas, lanches saudáveis, hotéis que não aceitam fumantes, acesso gratuito à academia e coffee breaks frequentes.
 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *