Esfe terá paineis com especialistas em MICE; setor deve faturar R$ 193 milhões

[Por Mercado e Eventos, 10/02/2017]
Entidades do setor estão otimistas com o mercado de turismo corporativo e de incentivos. De acordo com o Ministério do Turismo (MTur), o Brasil sediou, em 2016, uma média de 900 eventos – posicionando-o como uma das principais rotas internacionais. A expectativa é movimentar cerca de R$ 193 milhões até 2025 – segundo o Instituo Brasileiro de Turismo (Embratur). Sendo que o gasto médio diário deste público é de R$ 329,39 – ou seja, três vezes mais que o viajante de lazer.De olho neste mercado os organizadores do XII ESFE (Encontro do Setor de Feiras e Eventos) – considerado um dos principais eventos de turismo de negócios do Brasil vão reunir os principais líderes empresariais, no próximo dia 21 – em São Paulo, para discutir o atual cenário das feiras de negócios e seu momento de disrupção, assim como os novos conceitos e o crescente mercado de Live Marketing.
Na programação constam dois painéis. Terão a moderação do empresário Otavio Neto – CEO do Grupo Radar & TV e idealizador do ESFE. “O setor de feiras e eventos tem um papel expressivo na economia brasileira, se não a mais importante ferramenta de promoção comercial para a indústria. No ESFE os participantes terão a oportunidade encontrar promotores de feiras, dirigentes de pavilhões de exposições, centros de convenções, companhias aéreas, redes hoteleiras, prestadores de serviços, agências de eventos, marketing e live marketing, hosted buyers, gestores de compras, facilities e de viagens de incentivo no mesmo ambiente e com  interesses corporativos”, finaliza.
Confira a programação
09h00 às 10h30 – Painel Feiras – Momento de Disrupção
Disrupção diz respeito a interrupção do curso normal de um processo. “Mas para que essa mudança aconteça, plenamente, é primordial que os profissionais do segmento estejam conscientes desta transformação”, declara Juan Pablo De Vera – VP sênior para América Latina da Reed Exhibitions. Os debatedoresserão Carlos Correa – Diretor Superintendente da APAS, Edmar Bull – Presidente da ABAV, Paulo Octavio – VP Executivo da Reed Exhibitions Alcantara Machado, Paulo Ventura – Diretor  do Expo Center Norte  e Jean Pierre Cantaux – Diretor da Red Star Brasil.
16h00 às 1730 – Painel M.I.C.E – Um mercado em quatro letras
Liderado por Toni Sando – presidente executivo do São Paulo Convention & Visitors Bureau, o painel terá como foco o futuro do mercado de M.I.C.E. “As empresas precisam aprimorar suas ferramentas de comunicação, adotando aplicativos para se conectar e gerar engajamento com seu público-alvo. Neste cenário, as pessoas querem comprar experiências e não simples eventos”, diz O Painel terá como debatedores: Eduardo Sanovicz – presidente da Abear, Celio Ashcar Jr. – sócio diretor da AktuellMix e Chairman da AMPRO, Juarez Carvalho – diretor da MCI Brasil, Gustavo Ene – CEO do Lide, e Fabio Rossi – diretor executivo da Flytour Eventos.