Embratur debate estratégias com Consulado dos EUA

[Por Jornal de Turismo, 27/01/2017]
O presidente da Embratur (Instituto Brasileiro de Turismo), Vinicius Lummertz, se reuniu nesta quarta-feira (25) com o Consul Geral dos EUA, James Story. O tema do encontro foram ações concretas para aumentar a segurança para o turista e mais investimentos em estratégias promocionais, para retomar o crescimento do fluxo de turismo internacional.
Além do presidente da Embratur, representantes das secretarias Municipal e Estadual do Rio de Janeiro, do Convention & Visitors Bureau, da Associação Brasileira da Indústria de Hotéis (ABIH) e de outras entidades do setor também participaram do encontro.  “O Rio teve uma superexposição por conta dos megaeventos e, por isso, grandes investimentos. O setor hoteleiro acreditou e dobrou a capacidade. O movimento não caiu. Mas temos que fazer um esforço conjunto para colocar o dobro de gente nos hotéis”, resumiu Lummertz.
Tanto os diplomatas norte americanos Michael Mutt e Michael Yoder, que também participaram da reunião, quanto o presidente da Embratur concordaram que a isenção de vistos de entrada dos norte-americanos no Brasil, que está em estudo pelo governo brasileiro, podem ter papel fundamental nessa alavancagem. Atualmente, os EUA são o segundo maior emissor de turistas internacionais ao Brasil, com mais de 575 mil visitantes por ano, de acordo com o último Anuário Estatístico do Turismo.
James Story acredita que, com a isenção maior promoção nos Estados Unidos, os números vão melhorar muito e rapidamente. “O Rio de Janeiro sempre foi um destino conhecido nos Estados Unidos. A boa impressão deixada com os Jogos Olímpicos e Paralímpicos aumentou a curiosidade dos americanos, que querem conhecer mais esse País maravilhoso. Com algumas ações, poderemos melhorar isso” comentou o diplomata.