Economia compartilhada cresce nas viagens corporativas

[Por  Panrotas, 19/09/2016]
A economia compartilhada é um fenômeno novo para gestores de viagem, apesar de serviços como Airbnb e Uber caírem cada vez mais no gosto dos clientes de lazer.
Conforme uma nova pesquisa da Travel Leaders Group, agentes de viagens corporativas e gestores estão finalmente recebendo mais pedidos de seus clientes por serviços alternativos e/ou compartilhados de acomodação, além de novas opções de transporte.
O Travel Leaders Group consultou 354 donos de agências de viagens e gestores que ganham mais da metade de seus negócios com viagens a trabalho. De acordo com a sondagem, 34,1% dos agentes disseram que de 1% a 10% de seus clientes usaram uma hospitalidade alternativa a seus clientes neste ano, uma alta em relação aos 29,6% registrados pela pesquisa em 2015.
Ao mesmo tempo, apenas 10,5% disseram que 11% ou mais dos clientes usaram algum tipo de acomodação alternativa – uma baixa diante dos 14,8% registrados nesta faixa ano passado.
O resultado no transporte, em contrapartida, mostra um maior acompanhamento da tendência de consumo. Mais da metade dos pesquisados – 54,6% – disseram que 11% ou mais de seus clientes estão usando economia compartilhada no transporte, uma alta diante dos 32,4% do ano passado.
“Conforme alguns viajantes corporativos adotam alternativas em relação aos fornecedores que estão estabelecidos há tempos, as empresas têm de fazer uma revisão de suas políticas de viagens e reavaliar o ‘dever de cuidar’. Enquanto as formas tradicionais de transporte ainda regem o mercado, há uma mudança que os negócios não podem ignorar”, disse o chefe de Vendas da Travel Leaders Corporate, divisão de Viagens Corporativas do Travel Leaders Group.
 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *