Festuris inicia disposto a “não se esconder atrás da crise”

[Por  Panrotas, 05/11/2015]
O Palácio dos Festivais recebeu grande público na noite de hoje para a abertura da edição 2015 do Festival de Turismo de Gramado. Em uma cerimônia marcada por apresentações culturais – e pela ausência do ministro do Turismo, Henrique Alves, que declinou sua presença no evento -, o Festuris deu o pontapé inicial dos trabalhos com discursos de otimismo.
Primeira a ocupar o púlpito, Marta Rossi, organizadora do encontro, fez questão de relembrar a dificuldades enfrentadas nas primeiras edições do Festuris, mas que serviram de base para o que hoje é considerado um dos principais eventos do calendário da indústria turística.
“Estamos olhando para o horizonte porque sabemos que as crises passam. Temos cautela para gerenciar os negócios neste momento, claro, mas sei que vamos comemorar o sucesso dos negócios após mais essa edição. Não vamos nos esconder atrás da palavra crise”, afirmou Marta, sob aplausos.
Entre os nomes que participaram do palco principal estavam o prefeito de Gramado Nestor Tissot, o secretário Nacional de Programas de Desenvolvimento do Turismo, Neusvaldo Lima (representando o ministro do Turismo), Luiz Eduardo Falco (CVC) e Igor Miranda (Tam).