Florianópolis tem novos centros de atendimento ao turista

[Jornal de Turismo, 04/02/2015]
A cidade de Florianópolis (SC) está ainda mais receptiva neste verão. O turista que desembarca no Aeroporto Internacional de Florianópolis – Hercílio Luz tem à disposição uma linha de ônibus para levá-lo aos principais hotéis da cidade.
A capital catarinense, aliás, está mais segura, já que um número maior de policiais está nas ruas. E os banhistas têm novos banheiros nas praias, além de contar com dois novos centros de atendimento ao turista.
O conjunto de iniciativas da prefeitura municipal, por meio da secretaria de turismo, tem por objetivo melhorar a estrutura dos atrativos turísticos e atrair cada vez mais visitantes.
A Operação Presença – Verão 2015 tiveram início em agosto de 2014, com a realização de um levantamento sobre os pontos da cidade que mereciam mais atenção. Depois do relatório, as primeiras mudanças foram implantadas em dezembro.
O planejamento foi dividido em quatro eixos temáticos: infraestrutura, sustentabilidade, serviços e equipamentos turísticos e cultura e lazer. Ao todo, mais de 70 entidades, públicas e privadas, estiveram envolvidas no processo.
As medidas são importantes para garantir a qualidade dos serviços aos turistas e moradores, de acordo com o secretário de Políticas de Turismo do Ministério do Turismo, Vinicius Lummertz.
“O desafio é estender ações como essas e potencializar o fluxo turístico da região, gerando fontes de renda, empregos e melhorando a posição econômica da cidade”, afirma.
As melhorias na região incluem ainda a fiscalização de aluguel irregular de imóveis para reduzir a superlotação, evitando problemas como falta de água e energia decorrentes da alta concentração em algumas regiões.
Também estão entre as ações a qualificação de vendedores ambulantes, a reforma dos postos de guarda-vidas e a distribuição de materiais de divulgação sobre a cidade para os taxistas.
Segundo a secretária de Turismo, Maria Cláudia Evangelista, a preocupação girava em torno da grande movimentação na cidade nos meses de dezembro a março. “Em Florianópolis, o número de visitantes praticamente dobra nessa época do ano.
Apenas este ano, devem passar pela cidade cerca de um milhão e meio de pessoas até o fim da temporada. E era necessário reforçar a fiscalização, realizar obras emergenciais de recuperação e limpeza e ações de assistência social”, disse.
Este ano, a prefeitura reforçou também outras ações realizadas no último ano para qualificar a estadia dos turistas. Uma delas é a identificação das crianças nas praias, com o uso de pulseirinhas com os dados dos responsáveis, realizada em parceria com a polícia civil.
Também foram instalados mais de 200 banheiros químicos nos principais pontos turísticos da cidade, além de placas de conscientização sobre a presença de animais nas praias, que é proibida por lei municipal. Informações sobre o Disque 100, da campanha de denúncia de casos de violência contra crianças e adolescentes, também foram deixadas nas barracas das praias da cidade.
Carnaval turbinado
As ações da operação verão serão reforçadas no período do Carnaval. “São iniciativas que consolidam o destino como um dos melhores para esta época do ano”, diz.
Florianópolis é o segundo destino turístico mais procurado por estrangeiros e o nono mais visitados pelos brasileiros. De acordo com estimativas do Ministério do Turismo, os principais destinos do estado de Santa Catarina devem atrair 184,5 mil turistas, o que representa um gasto de R$ 182 milhões.
O gasto per capita está estimado em R$ 989. Os números superam o do ano passado, quando as cidades de Florianópolis, Balneário Camboriú, Garopaba e Joinville atraíram 180 mil turistas, que gastaram R$ 167,3 milhões; um gasto per capita de R$ 929 no período.