80 novos aeroportos regionais impulsionarão turismo brasileiro

[Revista Hotéis, 10/02/2015]
Sob investimento de R$ 2 bilhões, 80 aeroportos regionais serão construídos ou reformados nos estados do Acre, Amapá, Pará, Rondônia, Roraima, Tocantins e Mato Grosso.
Serão construídos nove aeroportos e 71 passarão por reformas, de acordo com a Secretaria de Avião Civil (SAC). As primeiras licitações devem ser lançadas em julho.
A ação faz parte do Programa de Desenvolvimento da Aviação Regional e tem por objetivo levar aeroportos de pequeno e médio porte a cidades isoladas ou de difícil acesso, que incluem os biomas da Amazônia, do Cerrado e do Pantanal.
No total, serão 270 aeroportos regionais. O programa tem como meta deixar qualquer cidadão a, no máximo, 100 quilômetros de um terminal aéreo.
O aumento da frota de aeronaves é um estímulo para o setor turístico, de acordo com o ministro do Turismo, Vinicius Lages. “Ao ativar terminais que têm ao seu redor atrativos para o viajante, como belezas naturais, patrimônios culturais e históricos, cria-se um intercâmbio com o restante do país que ajuda a desenvolver a região, movimentando a economia e valorizando a comunidade local”, diz Lages.
Atualmente, para chegar a Marajó (PA), maior ilha fluvial e marítima do mundo, é preciso pegar uma balsa ou um barco. O tempo médio de deslocamento é de três horas.
Com o novo aeroporto no município de Afuá, os turistas estarão mais próximos das belas praias da Ilha e dos montes artificiais construídos pelos índios no período pré-colombiano. O local atrai turistas brasileiros e estrangeiros.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *