Gols da Copa para o Turismo do Brasil

[Embratur, 03/12/2014]
Para debater os benefícios das ações adotadas pelo poder público e pela inciativa privada na organização do megaevento, o Ministério do Esporte realiza hoje e amanhã (04), o seminário “Copa 2014: legados para o Brasil”, no auditório do estádio Maracanã, no Rio de Janeiro. O presidente da Embratur, Vicente Neto, que participa do evento, ressaltou a projeção de imagem do País como um dos grandes legados do mundial.
“A Copa atraiu turistas de todo o mundo e a audiência bateu todos os recordes das edições anteriores. Depois dos jogos, o Brasil se posicionou em um outro patamar no imaginário do planeta”, comentou Vicente.
O presidente também ressaltou que a Copa do Mundo de 2014 representou para o País a chance de antecipar e atrair investimentos e construir um legado para a população brasileira que vai além dos estádios. “As reformas nos aeroportos, a expansão da malha aérea, o aumento do número das unidades hoteleiras são alguns dos fatores que garantiram que o Brasil se firmasse como um destino capaz de receber eventos de qualquer natureza”, comentou.
Em dez anos, os congressos e convenções de negócios realizados no Brasil registraram um aumento de 408%. Conforme os dados divulgados em maio pela ICCA (Internacional Congress and Convention Association), entre 2003 e 2013, o total de eventos passou de 62 para 315. “No mesmo período, o número de cidades que sediaram esse tipo de evento subiu 145%, passando de 22 para 54.
O ranking divulgado mostra que o Brasil permaneceu entre os dez países que mais recebem congressos e convenções associativas”, concluiu o presidente.
Já o ministro do Turismo, Vinícius Lages, ressaltou, durante a abertura, a movimentação dos turistas durante o mundial. Segundo Lages, mais de um milhão de visitantes de 203 países acompanharam a Copa no Brasil. “Partindo das 12 cidades-sede, os torcedores visitaram 491 cidades”, destacou o ministro.
Futuro da promoção
Vicente Neto também informou que o esporte continuará sendo a plataforma de promoção do Brasil nos próximos ano. Para atrair turistas para os Jogos Olímpicos de 2016, a Embratur está preparando uma série de eventos próprios, nos mesmos moldes da ação realizada para a Copa do Mundo, o premiado Goal To Brasil.
“O sucesso comprovado do Goal to Brasil nos 17 países por onde passou, inclusive com rodadas de negócios, nos leva a repetir a fórmula”, explicou o presidente. Ele informou que o nome e detalhes do projeto serão divulgados em breve.
A expectativa é de que o Brasil receba 380 mil turistas estrangeiros durante a competição olímpica, concentrada no Rio de Janeiro, mas com os jogos de futebol realizados também em Belo Horizonte, Brasília, Salvador e São Paulo.
 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *