Gestores do CentroSul participam da maior feira europeia voltada para o Turismo de Negócios no mundo

Buscar referências internacionais para aprimorar o Conceito Boutique do Centro de Convenções de Florianópolis e alavancar o Turismo de Negócios na capital catarinense. Focados nestes objetivos, os gerentes do CentroSul, Cristiane Martins Reitz e Leonardo Vieira, viajaram para a Espanha este mês, para participar da 27ª edição da The Global Meetings e Events Expo, maior feira europeia voltada para o turismo de negócios, eventos e incentivos no mundo. O encontro reuniu em Barcelona, cerca de 15 mil profissionais de 92 países diferentes da indústria mundial focada em Turismo de Negócios.

A feira englobou uma série de atividades voltadas à realização de ações de networking, orientação e educação profissional para visitantes e expositores.
Visitas técnicas no Convention Bureau da cidade catalã estavam na agenda de compromissos de ambos gestores, além da visita ao Centro de Convenções de Madri. “Pretendíamos conhecer culturas, produtos, ações, tecnologias inovadoras e, principalmente, sustentáveis para o mercado de eventos em Florianópolis. Durante a viagem, percebemos que Santa Catarina tem pouca participação em feiras internacionais do segmento de Turismo de Negócios, o que acontece regularmente com outros Estados do país, como Rio de Janeiro, Pernambuco e São Paulo,” ressaltou Cristiane Martins, gerente Geral do CentroSul.
Segundo Leonardo Vieira, gerente Comercial do Centro de Convenções, há muita oferta de espaço para a realização de eventos em todo o mundo, mas o Brasil é o país da vez. “Países como Canadá, África do Sul, Emirados Árabes, além da Europa e América do Sul, estão de olho no que o Brasil tem para oferecer de estrutura e logística para a realização dos mais variados eventos. Nesta edição da feira, somente a cidade de Recife prospectou 17 eventos internacionais,” explicou Leonardo Vieira, que visitou o estande do Brasil no evento.
De acordo com dados da Embratur, a mais recente classificação do país no ranking da International Congress and Convention Association (ICCA) reflete grandes conquistas: o Brasil foi classificado como o 9º do mundo que mais sediou eventos internacionais em 2013 e demonstrou um crescimento de 408% no período entre 2003 e 2013 em número de eventos sediados, evoluindo no mesmo período da 19ª posição para 9ª. O próximo ranking será divulgado em maio de 2015.
O apoio à captação para o segmento MICE (Meetings, Incentives, Congress and Exhibitions) é, atualmente, um dos que mais tem contribuído para o incremento do fluxo de turistas para o Brasil.