Gramado sedia o XXIX Congresso Brasileiro da Ciência das Plantas Daninhas

Inicia nesta segunda-feira, 1º, a 29ª edição do congresso Brasileiro da Ciência das Plantas Daninhas que abordará o tema “A Ciência das Plantas Daninhas em Clima de Mudanças”. O mundo passa por mudanças impactantes que trazem para a agricultura diversos desafios como: mudança no “centro de gravidade” financeira global; mudança na demanda por alimentos. Além disso, o planeta passa por alterações no clima, com aumento da frequência de eventos climáticos extremos que podem causar estresses nas culturas agrícolas, pondo em risco a segurança alimentar. Pensando nisso, o congresso discutirá esses e outros assuntos de 1 a 4 de setembro no centro de Convenções do Hotel Serra, em Gramado.
Com a crescente urbanização, a população está cada vez mais distante da realidade do campo, o que gera demandas irreais sobre o que a agricultura pode proporcionar sustentavelmente. Encarados como oportunidades, esses desafios chamam a repensar a forma como se vê e como se faz a agricultura atualmente. Realizado bienalmente pela Sociedade Brasileira da Ciência das Plantas Daninhas, o congresso terá a participação de pesquisadores e professores internacionais, técnicos de campo de empresas públicas e privadas, consultores, alunos de graduação e pós-graduação. O evento pretende reunir 1000 participantes.
A importância de debater o assunto da Ciência das Plantas Daninhas
O professor e coordenador do evento, Jesus Juares Oliveira Pinto destacou a importância de debater este assunto nos dias de hoje. “Esse tema é uma preocupação mundial. Uma seleção natural das plantas daninhas vem se adaptando às novas condições climáticas e consequentemente, criando maiores dificuldades de controle e reduzindo por competição a produtividade das plantas”, comenta o professor. O Congresso é conhecido como o principal evento científico da especialidade no país e irá discutir o tema “A Ciência das Plantas Daninhas em Clima de Mudanças”. O evento conta com a organização da empresa Rossi & Zorzanello Feiras e Empreendimentos.
Programação
Segunda – 01/09
8:00 – 18:00 – Simpósio HRAC
19:00 – 20:00 – Sessão solene de abertura
20:00 – 21:00 – Conferência Magna: Conjuntura Agropecuária em Clima de Mudanças
Palestrante: Alexandre Mendonça de Barros. Diretor. MB Agro. São Paulo, SP
Terça – 02/09
08:30 – Palestra 2 – Impact of climate change on weeds – Palestrante: Lewis H Ziska. Plant Physiologist. USDA-ARS, Beltsville, MD, EUA
09:30 – Palestra 3 – Weed Science: what we lost and what we should Change – Palestrante: Dale Shaner. Water Management Research Collaborator, USDA/ARS, Fort Collins, CO, EUA
10:30 – 12:00 – Apresentações em plenária 1
Fisiologia e Metabolismo de Herbicidas
Controle Químico de Plantas Daninhas
WORKSHOP: Biologia para Fins de Manejo (Azevém, Buva e Capim-amargoso)
12:00 – 13:30 – Almoço
13:30 – Palestra 4 – Challenges for the adoption of Integrated Weed Management in the Future – Palestrante: Per Kudsk. Professor. Aarhus University. Department of Agroecology – Crop Health, Slagelse, Dinamarca
14:30 – Palestra 5 – Advances in the Weed Control Through Physical Methods – Palestrante: Bo Melander. Professor. Aarhus University. Department of Agroecology – Crop Health, Slagelse, Dinamarca
15:30 – 15:45 – Intervalo
15:30 – 16:30 – Seção de Pôsteres 1
16:30 – 18:00 – Apresentações em Plenária 2
Manejo Integrado de Plantas Daninhas
Controle Químico de Plantas Daninhas
Resistência de Plantas a Herbicidas
Comportamento de Herbicida no Ambiente
Biologia de Plantas Daninhas
Quarta – 03/09
Painel: Necessidades de mudanças no registro e legislação de misturas de agrotóxicos no Brasil
8:30 – Palestra 6 – Necessidades tecnológicas relacionadas a novos ingredientes ativos, formulações e da prática da realização de misturas de agrotóxicos – Palestrante: Nelson D. Kruse, Professor, UFSM, Santa Maria, RS
8:55 – Palestra 7 – Principais fatores comerciais condicionantes da disponibilidade de produtos isolados e em misturas – ANDEF – Palestrante: Guilherme Luis Guimarães, Gerente de Regulamentação, ANDEF, São Paulo, SP
9:20 – Palestra 8 – Principais fatores comerciais condicionantes da disponibilidade de produtos isolados e em misturas – AENDA – Palestrante: Tulio de Oliveira, Diretor Executivo, AENDA, São Paulo, SP
9:45 – Palestra 9 – Sistema atual e futuro da legislação registro de agrotóxicos e utilização de misturas no Brasil – Palestrante: Júlio Sérgio de Britto, Coordenador Geral de Agrotóxicos e Afins, MAPA, Brasília, DF
10:10 – Seção de perguntas e debate
10:30 – 12:00 – Apresentações em plenária 3
Manejo Integrado de Plantas Daninhas
Controle Químico de Plantas Daninhas
Fisiologia e Metabolismo de Herbicidas
Biologia de Plantas Daninhas
Comportamento de Herbicida no Ambiente
12:00 – 13:30 – Almoço
13:30 – 14:20 – Palestra 10 – Recentes avanços e perspectiva da alelopatia no controle de plantas daninhas – Palestrante: Michelangelo Muzell Trezzi, Professor UTFPR, Pato Branco, PR
Palestra 11 – Tecnologia de aplicação de herbicidas – Palestrante: Walter Bohler, Professor, UPF, Passo Fundo, RS
Palestra 12 – O avanço da agricultura no Cerrado em relação aos desafios para o controle de plantas daninhas – Palestrante: Anderson L. Cavenagui, Professor, UNIVAG/MT, Várzea Grande, MT
14:25 – 15:45 – Espaços Tecnológicos
14:25 – Palestra 13 – FMC: O manejo vence a resistência – Palestrante: Roberto Estêvão Bragion de Toledo, Gerente de Herbicidas, FMC, Campinas, SP
14:45 – Palestra 14 – Syngenta: Painel Tecnológico Syngenta – Palestrante: Jose Claudionir. Gerente de Herbicidas. SYNGENTA. São Paulo, SP
15:05 – Palestra 15 – Monsanto: Iniciativas Monsanto para o Manejo de Plantas Daninhas Resistentes a Herbicidas – Palestrante: Ramiro Lopez Ovejero. Gerente de Regulamentação. MONSANTO. São Paulo, SP
15:25 – Palestra 16 – Dow: Enlist™ – Sistema de Controle de Plantas Daninhas como Manejo de Plantas Daninhas Resistentes – Palestrante: Felipe Ridolfo Lucio, Pesquisador em Proteção de Cultivos. DOW AGROSCIENCES. São Paulo, SP
15:45 – 16:00 – Intervalo
16:00 – 17:00 – Seção de Pôsteres 2
17:00 – 18:00 – Apresentações em plenária 4
Resistência de Plantas a Herbicidas
Comportamento de Herbicida no Ambiente
Fisiologia e Metabolismo de Herbicidas
Tecnologias Associadas ao Manejo e Segurança na Aplicação de Herbicidas
Outras Formas de Controle de Plantas Daninhas
18:00 – 20:00 – ASSEMBLÉIA da SBCPD
Quinta – 04/09
8:30 – Palestra 17 – Non-target site mechanisms of herbicide resistance – Changes for Weed Management – Palestrante: Patrick Tranel. Professor. Department of Crop Sciences. University of Illinois. Urbana, IL, EUA
9:30 – Palestra 18 – Plantas geneticamente modificadas para resistência a herbicidas e outras características de interesse agronômico – Palestrante: Alexandre Nepomuceno. Pesquisador. EMBRAPA, CNPSoja. Londrina, PR
10:30 – 12:00 – Apresentações em plenária 5
Fisiologia e Metabolismo de Herbicidas = SALA 01
Resistência de Plantas a Herbicidas = SALA 02
Controle Químico de Plantas Daninhas = SALA 03
Manejo Integrado de Plantas Daninhas = SALA 04
Biologia de Plantas Daninhas = SALA 05
12:00 – 13:30 – Reunião-almoço com Marcos Boton*, Pesquisador, Embrapa Uva e Vinho, Bento Gonçalves, RS. Palestra 19. Planejamento de carreira
* evento exclusivo para estudantes sócios da SBCPD e/ou de pós-graduação.
13:30 – Palestra 20 – Advances in technology for site specific weed control – Palestrante: Ard.Nieuwenhuizen, Senior Scientist, PROBOTIQ B.V. Andelst, Holanda
14:30 – Palestra 21 – Controle de plantas aquáticas no Brasil – Palestrante: Dagoberto Martins, Professor, UNESP/Botucatu. Botucatu, SP.
Palestra 22 – Avanços e perspectivas relacionadas a dinâmica de herbicidas no ambiente – Palestrante: Jussara Regitano, Professora, USP/Esalq, Piracicaba, SP
Palestra 23 – Controle biológico de plantas daninhas no Brasil: de onde viemos e para onde vamos?” – Palestrante: Robert W. Barreto, Professor, UFV, Viçosa, MG
15:30 – 15:45 – Intervalo
15:30 – 16:30 – Seção de Pôsteres 3
16:30 – 17:30 Apresentações em plenária 6
Comportamento de Herbicida no Ambiente
Controle Químico de Plantas Daninhas
Fisiologia e Metabolismo de Herbicidas
Manejo Integrado de Plantas Daninhas
Biologia de Plantas Daninhas
17:30 – 18:00 Encerramento
20:00 – Jantar de Encerramento e premiações

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *