Governo e representantes do trade elaboram Documento Referencial 2015/2019 para Turismo

[Por Hôtelier News, 21/08/2014]
“Este é o momento de pensarmos nos desafios para um novo ciclo, uma política pública específica para o setor, como uma iniciativa de governo”, definiu Vinicius Lages, ministro do Turismo, em reunião nesta semana com o trade para a elaboração do Documento Referencial 2015/2019. A proposta é que a publicação sirva como base para o planejamento das demandas do setor do turismo para os próximos anos.
Integram a série de reuniões, além do ministro, Walter Ferreira, assessor da presidência da Embratur,  representando o presidente Vicente Neto; Oreni Braga, presidente da Empresa Estadual de Turismo do Estado do Amazonas (Amazonastur); e Cláudia Pessoa, do Conselho Nacional de Turismo (CNT).
O ministro defendeu três pilares fundamentais para o setor: a produção; a qualificação e a renovação; e a oferta turística no mercado. “Temos que pensar, ainda, na estruturação de produtos e destinos, na agenda de financiamento do setor e na atração de investimentos”, apontou, destacando a importância das parcerias com os Estados.
Após as primeiras considerações, os participantes se reuniram em grupos para debaterem a respeito de sete eixos temáticos: Gestão; Estruturas de Destinos; Ambiente de negócios e marco regulatório; Educação e qualificação; Investimento e Financiamento; Infraestrutura e Logística; e Posicionamento do Destino Brasil no mercado nacional e internacional.
Nestes grupos, além dos profissionais ligados ao turismo, participam também executivos do Ministério do Planejamento, Controladoria-Geral da União, Tribunal de Contas da União (TCU) e do setor acadêmico. O documento deve ficar pronto no final de setembro deste ano, antes das eleições presidenciais.
 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *