Com sustentabilidade em foco, 28º Encatho tem início

[Por  Hôtelier News, 02/04/2014]
“Sustentabilidade é um tema de extrema importância, mas ainda com poucos exemplos práticos na hotelaria”, avaliou Samuel Koch, presidente da ABIH-SC (Associação Brasileira da Indústria de Hotéis de Santa Catarina), durante a cerimônia que marcou a abertura da 28ª edição do Encatho (Encontro Catarinense de Hoteleiros), que acontece até sexta-feira (4) no CentroSul, em Florianópolis. O assunto permeou não só os discursos na noite de hoje (2), mas foco central das discussões ao longo do evento.
“A cultura da sustentabilidade começa com cada um de nós. O primeiro passo para preservar o meio ambiente é se reciclar, mudar ideias, valores e hábitos. E essa é a proposta do Encatho e da Exprotel”, definiu o dirigente. O evento catarinense apostou em dar o primeiro exemplo e, neste ano, adotou práticas como utilizar iluminação de LED e materiais de mídias digitais (evitando o impresso), e instalação de lixeiras de papelão.
Koch ainda reforçou a importância do setor turístico para a economia do Estado, ressaltando que atualmente, a receita gerada por esta indústria chega a R$ 20 bilhões e oferece 550 mil empregos. O parque hoteleiro catarinense conta, hoje, com mais de 2,7 mil meios de hospedagem e 240 mil leitos.
Também presente na solenidade, Bruno Breithaupt, presidente da Fecomércio-SC, apontou algunas desafios para melhorar a infraestrutura catarinense durante a alta temporada. Um dos grandes problemas vistos no último verão, segundo ele, foi o abastecimento de água e energia elétrica nos municípios mais procurados do Estado: Balneário Camboriú e Florianópolis. “O turista planeja sua viagem e guarda dinheiro. Se ele não for bem recebido, não vai voltar”, disse. “A alta temporada precisa de um planejamento específico”, concluiu.
Já Enrico Fermi, presidente da ABIH Nacional, definiu a sustentabilidade como um tripé de ações voltadas para o meio ambiente, de cunho social – principalmente no âmbito empregatício -, e que sejam também rentáveis para o empresariado. Na ocasião, o dirigente ainda afirmou que, em sua gestão, “inspirou-se” no exemplo da entidade hoteleira catarinense para trabalhar em prol do aumento do número de associados em âmbito nacional. Hoje com 4 mil membros, a ABIH quer chegar a 10 mil nos próximos dois anos.
O evento
Nos próximos dois dias, serão realizadas palestras abordando assuntos como Caminhos para a sustentabilidade na hotelaria, Em busca da certificação ambiental, Sustentabilidade, turismo e tecnologia, além de serem apresentados cases catarinenses de sucesso, como o da Pousada Oceanomare e do Costão do Santinho. Dentro da programação ainda estão o 6º Simpósio de Governança Hoteleira, realizado pela ABG (Associação Brasileira de Governantas), e a 26ª Exprotel, feira de produtos e serviços para hotéis.
Duas novas parcerias são solidificadas durante esta edição do encontro: o programa de iniciação científica, PIC Senac, que tem como objetivo propor indicadores de gestão de negócios para meios de hospedagem; e um Termo de Eficiência Energética assinado com a Celesc (Centrais Elétricas de Santa Catarina), buscando soluções para a hotelaria catarinense em relação à redução de custos, economia de energia e preservação do meio ambiente.
 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *