Congresso COCAL aborda sustentabilidade e tendências em eventos

Com 16 palestras em dois dias de evento, o 31º Congresso da COCAL – Federação de Entidades Organizadoras de Congressos e Afins da América Latina surpreendeu positivamente os cerca de 300 participantes de 20 países pela qualidade da programação, concluída na quinta-feira dia 13/03, em Antigua, Guatemala. O Brasil esteve presente com uma das maiores delegações, com 16 representantes vindos de Santa Catarina, Rio Grande do Sul, Amazonas, Goiás, Minas Gerais, São Paulo, Rio de Janeiro e Distrito Federal.

“A qualificação do evento como excelente por 98% dos participantes mostra que os conferencistas líderes em suas áreas contribuíram para atualização profissional dos participantes”, analisa a presidente da Cocal e anfitriã do Congresso, Alisson Batres.
No primeiro dia, a responsabilidade social e ambiental foi o foco principal. O norte-americano Edgar Farrera, diretor de sustenibilidade do Circuito das Américas, resumiu que para obter a sustentabilidade é preciso envolver a comunidade, reciclar o material produzido para o evento e reduzir a emissão de dióxido de carbono, entre outras ações.
Para falar sobre responsabilidade social em eventos, Jenifer Siberman, vice presidente de responsabilidade corporativa da rede Hilton, começou destacando a importância do turismo na economia mundial.
Siberman citou dicas importantes para começar a trilhar o caminho da sustentabilidade:

  • usar movas mídias para diminuir o uso de papel;
  • reduzir o número de descolamentos e considerar opções de transporte menos poluidoras do que os automóveis;
  • oferecer alimentação “verde” e local;
  • focar na economia energia – desligando luzer e ar condicionado sempre que possível;

A primeira palestra do segundo dia da Cocal 2014 foi sobre certificações internacionais relacionadas com a industria de eventos, por Eduardo Chaillo. “A certificação é mais que uma tendência, é uma necessidade”, afirmou Chaillo.
Já Oscar Cerezales abordou o tema “Os organizadores do futuro”. O diretor da MCI começou destacando a importância do mercado mundial de eventos, que gira entre 400 e 600 bilhões de dólares por ano no mundo. E a cada ano surgem entre 3500 e 4000 mil eventos somente na América Latina. Ele destacou ainda que a América Latina está “explodindo positivamente em eventos”. E isso trará mais concorrência, necessidades de diferenciação e certificação. Segundo Cerezales, a estrutura do mercado está mudando. Cada vez mais haverá eventos pequenos, conforme o fenômeno conhecido como cauda longa.
Outras tendências dos chamados eventos 3.0, de acordo com o diretor da MCI:

  • Duração mais curta
  • Hipernetworking
  • Formatos diferentes
  • Facilitadores em vez de palestrantes. Conectadores de idéias
  • Sustentabilidade
  • Multi gerações.
  • Multi cultural
  • Coparticipacao na criação do Conteúdo

Outro destaque da Programação foi a palestra de encerramento, com Michael Mcaulei, vice-presidente diretor de criação da Freeman. Ele falou sobre “o novo e o que esta por vir e as montagens no futuro”, citando sete palavras que definem o futuro dos eventos: Criatividade, responsabilidade, autenticidade, comunidade, tecnologia, multi-sensorial, empatia.

SHOWROOM


Ao lado do espaço das palestras, destacaram-se dois estandes brasileiros, da Embratur e da Santur – Santa Catarina Turismo, órgão de turismo do governo catarinense. As duas instituições promoveram o Brasil e particularmente Santa Catarina como destino para realização de eventos. Como sede da próxima edição da COCAL, de 4 a 7 de março de 2015, Florianópolis foi o destaque com um belo painel mostrando a Ponte Hercílio Luz, cartão postal mais famoso do Estado. O local do evento, Costão do Santinho Resort, Golf & Spa também chamou a atenção dos participantes, que ficaram encantados com a oportunidade de ano que vem usufruir do Congresso em uma sede à beira mar.
Para baixar as apresentações realizadas pelos palestrantes, acesse www.cocal2014guatemala.org e no link Programa faça download

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *