Pesquisa mostra que SP tem pior e melhor aeroportos

[Por Panrotas, 05/02/2014]
Publicada hoje (05), a quarta edição dos Indicadores de Desempenho Operacional em Aeroportos, elaborado pela Secretaria de Aviação Civil, mostra que os preços de alimentação e produtos comerciais, estacionamento e o acesso à internet sem fio são os itens pior avaliados pelos usuários de 15 dos principais aeroportos brasileiros. O estudo analisa o quarto trimestre do ano passado e, segundo o ministro de Aviação Civil, Moreira Franco, a pesquisa mostra a operadores e prestadores de serviços quais itens devem ser modificados nos aeroportos.
“Nos itens alimentação e estacionamento, o passageiro não tem alternativa, é quase uma reserva de mercado. Esse é um problema que tem que ser enfrentado e tem que se trabalhar com racionalidade”, disse, na manhã de hoje. “Acho que essa reclamação insistente dos clientes gera sobre as empresas prestadoras de serviço uma reação que certamente vai provocar uma queda de preço”, defendeu. Entre os serviços analisados pela pesquisa, também houve reclamação dos passageiros na velocidade para restituição de bagagem, no transporte terrestre para o aeroporto e no tempo de espera no controle de imigração.
Foram obtidas boas avaliações em serviços como o atendimento, a cordialidade e eficiência dos funcionários do check-in. Entre os terminais avaliados na pesquisa, o Aeroporto de Guarulhos recebeu a pior avaliação, no conjunto geral, seguido pelo Aeroporto Marechal Rondon, em Cuiabá, e pelo Aeroporto Internacional de Brasília. O mais bem avaliado foi o Aeroporto de Viracopos, em Campinas (SP). A entrevista ouviu 18.213 passageiros.
 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *