Estudo aponta 86% de aprovação em eventos de Recife

[Panrotas, 25/02/2014]
Uma pesquisa encomendada pelo Recife CVB mostra que 92,5% dos participantes de eventos na Região Metropolitana da capital pernambucana em 2013 afirmaram que voltariam ao Estado. O levantamento, feito pela consultoria Método, ouviu 993 pessoas.
O presidente do Recife CVB, Bruno Herbert, afirma que os resultados comprovam a consolidação de Pernambuco como um dos polos de turismo de negócios no País. “A rede hoteleira está preparada, temos espaços para a realização de grandes eventos e o aeroporto de Recife está bem estruturado para receber os turistas.”
PONTOS POSITIVOS
A “hospitalidade” do povo pernambucano e os “atrativos naturais” do Estado se destacam entre os itens que mais agradaram os turistas (53,6% e 51,6%, respectivamente), seguido da culinária com 44,8%.
O atendimento nos atrativos naturais visitados também teve boa avaliação, chegando a 86,1% a proporção dos conceitos “excelente” ou “bom”. Já nos hotéis, a avaliação “excelente” e “boa” foi de 86,7%. Em dados gerais, o Estado “surpreendeu positivamente” 32,1% dos consultados e 64,2% deles afirmaram ter “gostado de Pernambuco”.
A pesquisa, realizada nos últimos 12 anos, aponta ainda que 29,1% dos entrevistados aproveitaram a participação no evento para viajar a Pernambuco mais cedo ou ficar mais dias no Estado. A permanência média além da data da conferência ou congresso foi de 2,5 dias, com gasto médio diário de R$ 460,75.
A maioria dos participantes do turismo de negócios em Pernambuco (44,3%) é da região Sudeste; 25,7% do Nordeste; enquanto 11% eram do Sul. O público que movimentou o turismo de negócio em Pernambuco no ano passado tem alta escolaridade: 21,9% têm pós-graduação, sendo 20,8% com mestrado, doutorado ou pós-doutorado.
OUTROS DADOS
O avião foi o meio de transporte mais utilizado (84,2%). O percentual dos que utilizaram carro próprio chegou a 12,7% dos consultados, enquanto 2,2% fizeram uso de ônibus. A maior parcela de consultados fez uso de táxi (59,6%) para se locomover no Estado, seguindo-se as opções carro (20,2%) e ônibus/micro ônibus (16,6%).
A proporção de mulheres e homens nos eventos é equivalente (50,9% e 49,1%). Dos entrevistados, 55,5% têm 40 anos ou menos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *