Análise de Risco e Segurança em Eventos será tema do Fórum Eventos 2014

[Por Revista Eventos, 05/02/2014]
Encontro internacional trará especialistas para abordarem sobre importância, processos e experiências internacionais em segurança para eventos.
Mesmo na iminência de um megaevento esportivo do porte da Copa do Mundo no Brasil e depois de experiências traumáticas para o setor, como os casos da boate Kiss, em Santa Maria/RS, e do Bradesco, na Bahia, em 2013, uma parte considerável das empresas especializadas em eventos – ou dos clientes contratantes – parece ainda não ter acordado para o urgência dos investimentos em segurança. Pesquisa realizada entre julho e setembro de 2013 pela Eventos Expo Editora, com empresas dos segmentos de organização de congressos e eventos e montadoras de estandes, indicou que apenas 36,4% fazem análise de risco para todos os seus eventos e 14,3% somente para seus eventos maiores. 15,6% não faz nenhuma espécie de análise, enquanto 13% analisam apenas parcialmente os riscos de seus maiores eventos.
Um dos principais motivos desse comportamento, segundo informações da AMPRO – Associação de Marketing Promocional, ainda advém do baixo índice de disponibilidade dos clientes contratantes em aprovarem a inclusão de processos recomendados de segurança no momento da contratação. “A segurança de um evento não se restringe apenas a disponibilizar ambulâncias, envolve uma série de detalhes que precisam ser pensados e previstos desde a concepção do evento. Mas os budgets cada vez mais apertados dos clientes muitas vezes deixam as agências sem opções. E a questão é que, caso ocorra qualquer problema, a agência organizadora é legalmente corresponsável, a não ser que especifique sua isenção em contrato, em casos em que o cliente não concorde em pagar os custos necessários para a segurança do evento”, alerta o presidente da Entidade, Kito Mansano.
Nos próximos dias 24 e 25 de março, um dos 10 painéis do Fórum Eventos 2014, um dos maiores encontros internacionais da indústria de eventos, vai abordar especificamente o assunto ” Análise de Risco e Segurança”, com a presença de Igor Pipolo* – ex-diretor de Segurança na TV Globo – autor do livro “Agenda Estratégia de Segurança para Grandes Eventos”, e Mike Falwey* – Diretor do MetLife Stadium (onde este ano aconteceu o Super Bowl), para abordarem sobre processos e experiências internacionais e a disseminação da cultura de Segurança nos Eventos.
“Somos Todos Culpados da Tragédia de Santa Maria. Não gosto do retrato de omissão e negligência que percebo nos eventos nacionais. Ela aconteceu no Rio Grande do Sul, mas poderia ter acontecido em qualquer parte do país, pois são raríssimos os locais e empresas que podem afirmar, com todas as letras, que, em seus eventos, segue a cartilha de um evento seguro, do começo ao fim, rigorosamente”, escreveu Sergio Junqueira Arantes, responsável pela organização do Fórum Eventos, logo após o ocorrido. “Por isso, pela segunda vez, estamos trazendo os maiores especialistas do mundo para nos mostrar os melhores caminhos para um Evento Seguro” afirma o diretor da Eventos Expo Editora, que realiza o Fórum.
O Fórum Eventos acontece em São Paulo, no Espaço Rosa Rosarum, e trará ainda outros temas relevantes para os resultados das empresas, como o Futuro dos Eventos, Tecnologia, ROI/ROO/ROE, Governança, Megaeventos, Sustentabilidade, Criatividade, entre outros.
O encontro terá a participação de palestrantes nacionais e internacionais, dirigentes de entidades e associações que promovem os principais congressos e exposições, agências, promotores e organizadores de eventos, fornecedores de serviços e equipamentos, representantes de destinos, hotéis, centro de convenções, entre outros.
Mais detalhes e inscrições no site: www.forumeventos.net
 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *