Embratur: 47 anos contribuindo para o desenvolvimento econômico do Brasil

[Por Aquarela 2020, 18/11/2013]
Hoje (18/11), a Embratur completa 47 anos de dedicação à construção das políticas públicas de incentivo ao turismo. Atualmente empregando 10 milhões de pessoas e respondendo por cerca de 3,6% do PIB, o turismo é uma importante alavanca de desenvolvimento regional, contribuindo para enfrentar as desigualdades econômicas e sociais de nosso país, o maior desafio do Estado brasileiro.
Nessa luta, a Embratur segue desde 1966 quando começou a desenvolver políticas públicas para estimular o turismo no Brasil e, a partir de 2003, quando assumiu a missão de divulgar, no exterior, os destinos turísticos brasileiros.
Esses 47 anos de serviços públicos prestados à sociedade foram construídos por milhares de servidores que dedicaram parte importante de suas vidas ao fortalecimento do turismo e, com ele, o aprofundamento do desenvolvimento econômico do Brasil. E também por centenas de parceiros na iniciativa privada, valorosos empreendedores do trade turístico mobilizados pela certeza da vocação turística de nosso país e do potencial de expansão do setor, contribuindo para um país mais rico e sem pobreza.
A instituição vive sua maturidade em meio aos melhores índices já registrados no turismo brasileiro. Este ano, pela primeira vez na história, o Brasil ultrapassará a marca dos 6 milhões de turistas estrangeiros em nosso país. Também nos seus 47 anos, a Embratur inaugura 13 Escritórios Brasileiros de Turismo no exterior, abarcando os principais mercados emissores de turistas para o país. Com certeza, a Embratur se prepara para viver seus 50 anos, em 2016, com o Brasil já em um novo patamar dentro do mercado turístico mundial.
Esta é a nossa contribuição para ajudar a gerar emprego, renda e divisas nas diversas regiões e, assim, colaborar para a diminuição das desigualdades regionais e para a afirmação de um novo projeto nacional de desenvolvimento.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *