Setur-BA fiscaliza Costa do Descobrimento para qualificar serviços

[Por Mercado & Eventos, 17/09/2013]
Com diversos atrativos naturais, como praias, baías, recifes de corais e rios navegáveis, a Costa do Descobrimento será alvo de ações de fiscalização que visam qualificar os serviços turísticos oferecidos na região, a partir de Porto Seguro. Meios de hospedagem, agências de viagem, transportadores turísticos e guias de turismo de Santa Cruz Cabrália, Belmonte e Eunápolis também serão visitados pela equipe da Coordenação Regional de Serviços Turísticos da Secretaria do Turismo da Bahia (Setur-BA), vinculada ao Ministério do Turismo, desta segunda-feira (16/09) até o dia 30.
Entre as ações desenvolvidas estão orientação para o Cadastro de Serviço Turístico (Cadastur), com renovação do cadastro ou inclusão daqueles que ainda não são cadastrados; orientações para nova classificação hoteleira, com base no Sistema Brasileiro de Classificação Hoteleira, criado pelo Ministério do Turismo, e para o Sistema Nacional de Ficha de Registro de Hóspedes, que hoje é eletrônico e obrigatório; além do levantamento da oferta hoteleira para determinação do perfil da hospedagem na região.
Paralelamente, na terça-feira (17/09), um encontro técnico realizado no auditório do Senac, em Porto Seguro, às 15h, vai reunir prestadores de serviços turísticos da região. “Nesse encontro, vão ser realizadas palestras visando sensibilizar os empresários quanto ao cumprimento da legislação brasileira para o setor e a qualidade dos serviços e equipamentos turísticos oferecidos”, acentua Júlio Oliveira, diretor de Serviços Turísticos da Setur-BA. Embora o público alvo seja do ramo de hospedagem, agências de viagem, transportadores turísticos e proprietários de bares e restaurantes também estão convidados.
“Esse trabalho vai dar a oportunidade de cadastrar novos prestadores de serviços e atualizar a oferta hoteleira da zona turística”, diz Júlio Oliveira. Em outubro, a equipe realizará o mesmo trabalho na Costa do Dendê. Já em novembro, os trabalhos serão desenvolvidos no Vale do São Francisco.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *