Qualificação profissional é tema de debate na feira da Abav

[Por MTur, 05/09/2013]
A criação de uma Política Nacional de Qualificação Profissional será tema de debate na 41ª edição da Feira de Turismo das Américas, em São Paulo. A diretora do Departamento de Qualificação, Certificação e de Produção Associada ao Turismo, Marcela Jeolás, se reúne nesta quinta-feira (5), às 15 horas, com representantes de entidades de defesa de empresários e trabalhadores do setor de turismo para debater o assunto.
O desafio do setor é capacitar profissionais que já estão no mercado, treinar novos profissionais e definir ações que mantenham o trabalhador fiel ao setor de turismo. “Queremos identificar os problemas relacionados à qualificação e iniciar um programa próprio do Ministério do Turismo”, disse o secretário Fábio Mota.
Participam da reunião representantes da Associação Brasileira da Indústria de Hotéis (ABIH), do Fórum de Operadores Hoteleiros do Brasil (FOHB), da Associação Brasileira de Bares e Restaurantes (Abrasel), da Federação Brasileira de Hospedagem e Alimentação (FBHA), da Confederação Nacional dos Trabalhadores em Turismo e Hospitalidade (Contratuh), do Resorts Brasil, da Federação Nacional de Hotéis, Restaurantes, Bares e Similares (FNHRBS) e do Fórum Nacional de Secretários e Dirigentes Estaduais de Turismo (Fornatur).
Atualmente, o Ministério do Turismo (MTur) oferece o Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec Turismo). A meta é oferecer 240 mil vagas em 54 cursos integralmente presenciais em ocupações de base do setor turístico, em 120 municípios brasileiros, até 2014.
No próximo mês, o MTur vai promover um seminário internacional para debater ações e definir medidas para a política de qualificação. Serão dois dias de discussões com economistas e representantes internacionais que vão compartilhar experiências de outros países.
A feira da Abav
Realizada pela Associação Brasileira de Agências de Viagens, a 41ª edição da Feira de Turismo das Américas acontece até 8 de setembro e reúne visitantes e expositores do setor, como operadores de turismo, companhias aéreas, hotéis, agentes de viagens, locadoras de automóveis, transportadores rodoviários, empresas do mercado financeiro e de câmbio.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *