Fórum de Turismo de Negócios em Brasília traz avaliação positiva das atividades

Autoridades e empresários de turismo, estudantes, jornalistas de todo o Brasil e cerca de 250 agentes de viagens, vindos em caravanas de Minas Gerais, Goiânia e Campinas, participaram da terceira edição do FTN (Fórum de Turismo de Negócios) e da Mostra de Turismo, realizada nos últimos dias 4 e 5 de julho, no Hotel Nacional, em Brasília. Participaram ainda do evento agentes de viagens e acadêmicos dos setores ligados a área de turismo, do Distrito Federal e da Bahia.
Na noite do dia 4 de julho foi realizada a abertura do evento que encerrou com um jantar de confraternização. Fizeram parte da mesa: Marta Lobo, presidente do FTN, Valdir Walendowsky, presidente da Santur, Geraldo Bentes, Secretário Adjunto de Turismo do Distrito Federal, e Cristina Vieira Araújo, gerente de unidade do Sebrae DF.
“Brasileiros precisam viajar mais pelo Brasil”, disse Valdir ao citar o exemplo de Santa Catarina, que possui diferentes atrativos turísticos, como Serra, praias, águas termais, parque temático, festas tradicionais. O presidente da Santur ressaltou ainda sobre a importância de fazer com que os jovens apostem mais nas viagens pelo Brasil, que oferecem roteiros com atrativos culturais, de lazer, ecológicos e gastronômicos diferentes que se vê pelo mundo e citou ainda o exemplo da riqueza arquitetônica de Brasília. “tem estudantes da área de arquitetura que nunca fizeram um citytour pela capital Federal”. Disse Valdir.
O Geraldo Bentes, Secretário Adjunto de Turismo do Distrito Federal, ressaltou a importância da realização de eventos na capital Federal para a consolidação do destino. “Possuímos infraestrutura e potencial turístico diferente para a realização de eventos”.
A Presidente do evento, Marta Lobo, avaliou que a edição itinerante do evento em Brasília foi positiva pelo fato de sentir uma grande participação dos convidados nas atividades. “Agradeço a participação dos agentes de viagens e dos empresários e expositores, como Santa Catarina e Bahia, que participaram de todas as atividades realizadas no FTN em Brasília. A divulgação das ABAVs (Associação Brasileira de Viagens) de Minas Gerais e Goiás, e o apoio da secretaria de turismo de Brasília foi também fundamental para o sucesso do evento.
Participaram também do evento os embaixadores de Omã, Burkina Faso, Chile e Uruguai.
Mostra de Turismo
Na Mostra de Turismo, os 22 expositores, entre operadores de Turismo, hotéis, destinos, apresentaram os seus produtos e serviços para os agentes de viagens. Os destinos Santa Catarina, Brasília, Bahia e Mato Grosso do Sul apresentaram as suas potencialidades com o foco no turismo de lazer e negócio para o período de baixa temporada de cada local.
Palestras de qualificação
Pela manhã foi apresentado por Virginia Yunes a palestra sobre sustentabilidade trazendo a importância do assunto para o turismo, além de apontar o quanto as boas praticas sustentáveis pode favorecer a todo segmento. Em seguida, Gil Giardeli ministrou a palestra sobre Mídias Sociais falando, entre os assunto o quanto é importante as empresas se manterem atualizadas. Já no período da tarde foi apresentado as palestras de qualificação pela MSC Cruzeiros, Roteiro Santa Catarina e Transmundi (Cruzeiros Fluviais).
Ainda pela manhã, os agentes de viagens de Minas Gerais fizeram um passeio pelos principais pontos turísticos de Brasília, que terminou com uma visita no centro de convenções. Na ocasião, a Secretaria de Turismo do Distrito Federal apresentou a palestra sobre o destino Brasília e ofereceu, em seguida, um almoço de boas vinda a cidade para os profissionais do turismo.
A terceira edição do FTN em Brasília (DF) aconteceu pela primeira vez de forma itinerante, fora de Florianópolis (SC). A capital catarinense já sediou a I e II edição do evento e se programa para receber a IV edição, nos dias 10 e 11 de setembro de 2013.
Segundo Marta Lobo, a escolha de Brasília para sediar a terceira edição do evento se deu pela oportunidade vista nas possibilidades de trabalhar o local com o turismo emissivo e receptivo de turistas durante o ano todo, especialmente nos finais de semana, o que coopera com o problema de sazonalidade no local. “Brasília e Florianópolis são destinos com grande potencial emissivo e receptivo de turismo e que, assim como muitas regiões brasileiras, passam pelo mesmo problema de sazonalidade. São destinos que oferecem excelentes opções turísticas durante o ano todo, mas que precisam ser melhores alinhados e divulgados para ser vendidos”, avalia.
[Por FTN, 09/07/2013]