Centro de convenções de Manaus receberá investimento de R$ 40 milhões

[Por A Crítica, 23/07/2013]
O Ministério do Turismo investiu R$ 40 milhões na obra de conclusão do Centro de Convenções do Amazonas, em Manaus. O turismo do Amazonas entrou no Programa de Aceleração do Crescimento, o PAC do Turismo, que destina parte de seus recursos para construir centros de convenções e eventos
O Centro de Convenções do Amazonas terá nove andares com espaço para 10 mil lugares. Os auditórios devem ficar prontos até o final deste ano. O restante será concluído até 2015.
Para a presidente da Empresa Estadual de Turismo, Amazonastur, Oreni Braga, o Centro de Convenções é um dos principais indutores do crescimento do turismo. Manaus é considerada o maior polo industrial da América do Sul, com mais de 600 empresas multinacionais que atraem o turismo de eventos.
O PAC do Turismo tem por objetivo descentralizar o mercado de eventos, ainda fortemente concentrado no eixo Rio-São Paulo.
“Um de nossos critérios de priorização do investimento é pela conclusão de obras ou aquelas que possam ser iniciadas de imediato”, afirmou o ministro do Turismo Gastão Vieira. O setor é um dos mais importantes e de maior vitalidade para a economia turística do país.
Um dos critérios de distribuição das verbas é o índice de competitividade turística do município pleiteante, medido pelo Ministério do Turismo com base em 13 indicadores. Segundo Fábio Mota, Secretário Nacional de Programas de Desenvolvimento do Turismo, os contratos não são passíveis de aditivo – ou seja, os municípios contemplados precisarão concluir as obras com a verba liberada pelo PAC.
O decreto 8.025, que institui o PAC do Turismo, foi publicado no Diário Oficial da União.