Prefeitura apoia eventos em Santos, mas nada recebe

[Por Diário do Litoral, 10/06/2013]
A Prefeitura de Santos cede funcionários de alguns departamentos,
especialmente da Companhia de Engenharia de Tráfego (CET), para apoiar eventos particulares, que exigem até interrupção de faixas de importantes avenidas, sem receber um tostão.
Somente entre janeiro e maio deste ano, oito eventos foram realizados na orla, sem a contrapartida da entrada de um mísero centavo para os cofres municipais. Além de não receber por apoiar eventos particulares, alguns deles, organizados por empresas e entidades, cobram uma taxa elevada de seus participantes.
Um exemplo disso é a prova de pedestrianismo 10 Km Tribuna FM – Unilus, organizada pela Tribuna Esportes (ligada ao Sistema A Tribuna de Comunicação) e pelo Centro Universitário Lusíada (Unilus). A edição deste ano da prova, realizada em 19 de maio, reuniu 18 mil participantes e houve cobrança de R$ 70,00 de cada um, o que vale dizer que os organizadores arrecadaram R$ 1 milhão e 200 mil sem retribuir um centavo à Administração Municipal.
Realizada em maio, a prova dos 10 Km Tribuna FM – Unilus faz com que o trânsito na orla da praia fique totalmente interditado em um domingo até por volta das 14 horas. Na véspera, vários agentes da Companhia Engenharia de Tráfego (CET) já colocam faixas proibindo estacionar nas avenidas da praia entre os canais 2 e 5.
A pedido do Diário do Litoral, a Prefeitura enviou a lista de eventos realizados na orla este ano, que exigiram a interdição temporária das pistas da orla. Somente um foi organizado pela Prefeitura: a Operação Réveillon, que facilita o acesso às praias dos santistas e milhares de turistas, que passam a virada do ano nas areias de Santos. O trânsito chega a ser interrompido na noite do dia 31 de dezembro até a manhã do dia 1º de janeiro.
Eventos esportivos
Além da Operação Réveillon, quatro dois oito eventos foram realizados pela NA Sports: o Triathlon Internacional de Santos (24 de fevereiro), a primeira etapa do Troféu Brasil de Triathlon (dia 17 de março) e a primeira e segunda etapas do SP Open de Biathlon (13 de abril e 25 de maio). Todos com cobrança de taxa de participação.
Também foram realizados dois eventos gratuitos: o passeio ciclístico realizado pela Igreja Universal do Reino de Deus no dia 4 de maio, e a prova de pedestrianismo noturna dentro do Dia do Desafio, realizado pelo Sesc no dia 28 de maio.