FBHA discute inclusão do setor no Plano Brasil Maior

[Por Mercado & Eventos, 28/03/2013]
A Federação Brasileira de Hospedagem e Alimentação (FBHA) reuniu-se hoje (28) com o secretário de Políticas Econômicas do Ministério da Fazenda, Márcio Holland de Brito, e o secretário-executivo do Ministério do Turismo, Valdir Moysés Simão, para discutir a inclusão do setor de alimentação fora do lar no Plano Brasil Maior do governo federal.
“A desoneração é fundamental para aumentar a competitividade do setor”, defendeu Alexandre Sampaio, presidente da entidade. Após a inserção da hotelaria, a inclusão dos bares, restaurantes e similares no Plano foi uma demanda levada pela FBHA e demais entidades à ministra-chefe da Casa Civil, Gleisi Hoffman.
A proposta da Federação é que os estabelecimentos cadastrados em lucro real ou presumido paguem um percentual de 1% sobre o faturamento da casa, como já foi proposto para outros setores, ao invés de 20% de contribuição previdenciária patronal sobre a folha salarial.
Também participaram da reunião a Associação Brasileira de Franchising (ABF), Associação Nacional de Restaurantes (ANR), a Associação Brasileira de Bares e Restaurantes (Abrasel), a Associação Nacional de Agências de Viagens (Abav) e o Sindicato Nacional de Parques e Atrações Turísticas (Sindepat).