Vale a pena investir em feiras e exposições?

[Por Portal Competência, 30/01/2013]
Se bem aproveitados, esses eventos divulgam marcas e geram novos negócios
As feiras e exposições têm se mostrado excelentes estratégias de negócios para grandes e pequenas empresas. Só em 2012, o MDIC – Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior – registrou quase 400 eventos em seu Calendário Brasileiro de Exposições e Feiras. São oportunidades preciosas não apenas para a concretização de vendas. Elas possibilitam a ampliação do networking, a obtenção de informações sobre o mercado, além de inspirarem os gestores com ideias inovadoras. Abaixo, obtenha orientações para aproveitar ao máximo essas ocasiões.
De acordo com a vice-presidente de capacitação da Associação Brasileira de Empresas e Eventos – ABEOC Brasil, Maria Lúcia Camargo Silva, a participação de uma empresa em um evento deve ser entendida como uma ferramenta de comunicação que privilegia a visibilidade da organização. Para que isso ocorra, porém, o gestor deve ficar atento a alguns detalhes essenciais que maximizam o aproveitamento que a empresa vai ter da feira ou exposição da qual pretende participar.
O cuidado com o material de apoio está entre os detalhes citados pela vice-presidente da ABEOC. “O cartão de visitas, por exemplo, é essencial. Um bom gestor porta o seu cartão de visitas permanentemente, já que a qualquer momento pode ser solicitado”, observa Maria Lúcia, que ainda destaca a relevância de materiais de divulgação inteligentes: “um flyer com informações sucintas, mas bem elaborado e que remeta a um site visível, faz às vezes daqueles catálogos infindáveis que muitas vezes são jogados no lixo”.
A decoração e o atendimento nos estandes também são elementos a serem observados de maneira cuidadosa, de acordo com Maria Lúcia. “Os visitantes das feiras são atraídos por lugares abertos e arejados, onde possam ter tranquilidade para conversar sobre assuntos de interesse. O atendente tem que estar preparado para uma abordagem bem feita e estar apto para dar a resposta que o visitante espera”. A representante da ABEOC ainda indica: “ações promocionais também são válidas, com o objetivo maior de composição de mailing”.
Manual de Feiras e Exposições
O Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas – o Sebrae – reconhece a importância dos eventos como uma vitrine dos produtos e serviços das empresas nacionais. A entidade entende, porém, que muitos empreendedores ainda não sabem aproveitar essas oportunidades de maneira plena. Para auxiliar esses gestores, o Sebrae elaborou o Manual de Feiras e Exposições. Uma publicação da série Mercado que está disponível gratuitamente para download na Internet, basta acessar http://www.biblioteca.sebrae.com.br
Calendário Brasileiro de Exposições e Feiras
E se você está ansioso para que sua empresa participe de um evento ainda neste ano, consulte o Calendário Brasileiro de Exposições e Feiras. Trata-se de uma publicação oficial do Governo editada anualmente desde 1969. Nele, você encontra eventos divididos por áreas de atuação e que estão previstos para serem realizados durante todo o ano de 2013. Faça o download da versão atualizada no link: http://www.expofeiras.gov.br/informacoes-uteis.