Obras nos estádios da Copa entram na fase de finalização

[Por Jornal de Uberaba, 06/10/2012]
Faltando pouco mais de 600 dias para o início da Copa do Mundo de 2014, alguns estádios que receberão jogos do torneio entraram em sua fase final de obras. Pelo menos sete arenas já executaram mais de 50% de seu projeto. Duas delas, inclusive, concorrem entre si para saber qual será a primeira do Mundial do Brasil a ser inaugurada.
O Mineirão, em Belo Horizonte, e o Castelão, em Fortaleza, disputam palmo a palmo quem será o detentor desse título. As obras em ambos os estádios já entraram em contagem regressiva para seu encerramento. Uma diferença de dias deve definir qual será a mais adiantada.
De acordo com previsões oficiais, o Mineirão deve ser o primeiro estádio da Copa a ser reinaugurado. A Secretaria da Copa do Estado de Minas Gerais informou que as obras da arena de Belo Horizonte devem terminar no dia 21 de dezembro de 2012.
Dez dias depois, está marcada a inauguração do Castelão. No entanto, o andamento da reforma do estádio de Fortaleza para o Mundial está mais avançado do que a do Mineirão. Por isso, existe a possibilidade de uma antecipação da reabertura da arena para 15 de dezembro deste ano.
A nova data foi citada pelo secretário especial da Copa no Ceará, Ferruccio Feitosa, durante a última visita de membros do Comitê Organizador Local (COL) ao Castelão, em setembro. O governo cearense, entretanto, ainda não trata essa possibilidade como uma previsão oficial. Tanto é que o relógio de contagem regressiva para a reabertura do estádio ainda leva em conta a previsão inicial e firmada em contrato para inauguração: 31 de dezembro de 2012.
A reconstrução do Castelão para a Copa do Mundo já atingiu 89% do seu cronograma. Já a reforma do Mineirão tem pouco mais de 78% do seu projeto pronto.
Depois desses dois estádios, a obra mais avançada é a do Estádio Nacional Mané Garrincha, que está 76% de execução. Esse estádio, inicialmente, deveria estar entre os primeiros da Copa do Mundo a ser reaberto. Sua inauguração estava prevista para dezembro deste ano, mas acabou sendo adiada para fevereiro do ano quem vem.
A Fonte Nova, em Salvador, tem 70% do seu projeto concluído. Mesmo assim, ainda deve ser reaberta em dezembro deste ano, segundo último balanço divulgado pelo Ministério do Esporte.
O Maracanã (66%), no Rio de Janeiro, e a Arena Pernambuco (58%), em Recife, têm que ser abertas até fevereiro de 2013 porque vão sediar jogos da Copa das Confederações, no ano quem vem.
O Itaquerão (52%), em São Paulo, completa a lista dos sete estádios que já têm mais da metade das obras prontas. O estádio da abertura da Copa, porém, só deve ser inaugurado em dezembro de 2013.
Antes dele, devem ser abertas ao público a Arena Pantanal, em Cuiabá, e a Arena da Baixada, em Curitiba. Ambas devem ser inauguradas em julho de 2013.
Para o final do ano que vem, ficam a inaguração da Arena Amazônia, em Manaus, do Beira-Rio, em Porto Alegre, e da Arena das Dunas, em Natal.