Maceió CVB atinge meta de eventos captados e apoiados em 2012

[Por Brasilturis, 04/10/2012]
O Maceió Convention & Visitors Bureau (MC&VB) já bateu a meta de eventos captados e apoiados para este ano. Com a confirmação, na primeira semana deste mês, de um grande congresso da área médica para 2016 com mais de 1,2 mil participantes, a entidade atingiu a meta traçada pelo planejamento estratégico, que previa 40 eventos. O trabalho de apoio à captação de congressos, feiras e seminários é realizado pelo MC&VB e parceiros, como a Secretaria de Turismo de Alagoas e entidades da Sociedade Brasileira de Medicina.
Entre 2013 e 2016, Maceió receberá grandes eventos nas áreas técnica e científica. A previsão é a participação de mais de 10 mil congressistas nos oito maiores congressos que serão realizados na capital alagoana. Essa movimentação durante os eventos poderá gerar quase R$ 30 milhões, considerando os dados da Embratur sobre o gasto médio de US$ 285 por dia do turista de eventos. Esses gastos referem-se principalmente as despesas com hospedagem, alimentação, compras e transporte durante a participação de turistas em eventos.
Entre os últimos eventos captados, estão congressos médicos e encontros técnicos, geradores de fluxo turístico para o destino. De acordo com a superintendente do MC&VB, Tariana Carvalho, o principal objetivo da entidade é apresentar Maceió como cidade sede de grandes eventos, para movimentar o turismo principalmente nos períodos de baixa estação. Para isso a entidade tem um trabalho proativo na prospecção de eventos através do contato com entidades de classe e empresas, apresentando a infraestrutura disponível no estado para a realização de encontros de pequeno, médio e grande porte. “Nossa meta é balancear o turismo de eventos e de lazer e temos trabalhado ativamente para defender Alagoas como sede de grandes eventos”, afirma a executiva.
Em setembro, a entidade defendeu a candidatura de Maceió para sediar os eventos de porte nacional, que juntos reunirão mais de 6 mil pessoas. O MC&VB tem articulado a vinda de um evento da área médica desde o mês de junho e a confirmação de Maceió como cidade sede ocorreu no último dia 6 de setembro em São Paulo. A capital alagoana concorreu com Goiânia, mas foi eleita com mais de 70% dos votos. Para o evento em Maceió, no ano de 2016, são esperados aproximadamente 2,5 mil médicos.
Em outra captação realizada em São Paulo no mês de setembro, a capital alagoana concorreu com Brasília e foi eleita com mais de 80% dos votos. Os participantes da assembleia elegeram a cidade por seus atrativos turísticos, além da estrutura para eventos. Diferenciais como as belas praias e a rede hoteleira também foram levados em consideração.
O outro evento captado da área científica para 2016, em Curitiba, foi um congresso brasileiro com aproximadamente 2,5 mil participantes. Maceió foi eleita sede após concorrer com Orlando, nos Estados Unidos. “Apesar de representantes de Orlando terem concedido o uso sem custo do centro de convenções, a capital alagoana foi escolhida por sua localização, facilidade de deslocamento e atrativos”, destaca a gerente de Captação de Eventos da entidade, Cleane Acássia.
Os resultados do trabalho de fortalecimento nas ações com objetivo de captar mais congressos e aumentar o turismo de negócios e eventos já são sentidos pelo trade. “Além dos eventos captados e apoiados, o Maceió Convention vem aumentado também seu relacionamento com os associados em 2012. Os resultados já são sentidos pelo aumento de mais de 100% no número de mantenedores. Com isso, a entidade já atingiu, em agosto, a meta do ano de 2012”, destaca o presidente do MC&VB, Glênio Cedrim.
Para Cedrim, o trade turístico e empresários em geral estão mais conscientes da importância da entidade para o desenvolvimento do turismo de negócios e eventos como gerador de emprego e renda para o Estado. “A movimentação na rede hoteleira, bares, restaurantes, feirinhas, entre outros pontos turísticos, é sentida durante todo o ano”, lembra.