Investe Rio ressalta evolução do Riocentro

[Por GL events, 04/10/2012]
Na abertura da Rio Franchising Business 2012, Domingos Vargas destaca a infraestrutura do centro de convenções
“Eu frequento o Riocentro há muitos anos, e quanto à estrutura, a partir da gestão da GL events, é visível o volume de recursos empregados em equipamentos, as acomodações, a organização, desde o estacionamento, hoje melhor cuidado, à sinalização. Eu diria que hoje nós temos um equipamento em nível, não só nacional, como internacional”, elogiou Domingos Vargas, presidente da Investe Rio.
Representando a Agência de Fomento do Estado do Rio de Janeiro na abertura da Rio Franchising Business 2012, Vargas disse ter muito prazer em estar no Riocentro e ver esta mudança. O maior centro de convenções da América Latina recebeu nos dias 27, 28 e 29 de setembro uma das dez maiores feiras de negócios em franquias do mundo.
Em sua sexta edição, a Rio Franchising Business, promovida e organizada pela Fagga | GL exhibitions, registrou crescimento de 20% em área e de 10% em marcas expositoras. A feira movimentou os R$ 150 milhões em negócios esperados, um aumento de 50% a mais que em 2011.
Dos 25 mil visitantes interessados em investir em um negócio próprio ou expandir rede de franquias que passaram pelo Riocentro, 40% eram de outros estados da Federação, com destaque para São Paulo, seguido de Minas Gerais, Bahia, Espírito Santo, Alagoas e outras cidades das regiões Norte e Nordeste. Do estado do Rio de Janeiro, 20% eram visitantes de fora da capital.
A novidade deste ano foi o Fórum de Franchising, do qual participaram nomes de sucesso do segmento, entre eles membros da diretoria da Associação Brasileira de Franchising. Com 12 mil m² de área, o evento trouxe ao público marcas nacionais e internacionais.
“A maioria das 225 marcas expositoras se surpreendeu com a qualificação do público – pessoas conhecedoras do universo do franchising, focadas na busca de uma oportunidade para abrir seu negócio e capitalizadas. Oitenta por cento das empresas participantes já fizeram a pré-reserva de espaços para 2013”, revelou a diretora de Negócios da Fagga | GL exhibitions, Carolina Riente.
Riocentro
Eleito o melhor centro de convenções da América do Sul pelo World Travel Awards, o Riocentro conta com infraestrutura e gestão com padrão internacional. Sede da Rio+20, a Conferência das Nações Unidas para o Desenvolvimento Sustentável, o centro de convenções também foi escolhido pela FIFA para sediar o Centro Internacional de Transmissão (IBC) da Copa do Mundo da FIFA™ 2014 e do Comitê Organizador Local (COL). Em 2016, o principal pólo de turismo de negócios do Rio de Janeiro dará lugar a competições dos Jogos Olímpicos.
O sucesso da Conferência das Nações Unidas sobre Desenvolvimento Sustentável foi exaltado pelo Secretário-Geral da ONU para a Rio+20, Sha Zukang, ao afirmar que o centro de convenções foi o melhor local de reuniões da ONU em que ele esteve nos últimos anos.
A GL events Brasil, responsável pela gestão do Riocentro desde 2006, investiu nos primeiros cinco anos da concessão mais de R$ 85 milhões na modernização do centro de convenções. Até 2016, o plano de investimentos no espaço é de cerca de R$ 160 milhões. O grupo vai construir o Hotel Mercure Riocentro, reformar o Pavilhão 1 para receber o Comitê Organizador Local da FIFA e investir em infraestrutura para sediar o IBC da Copa de 2014. Com tudo isso, a expectativa é aumentar a taxa de ocupação do centro de convenções em 15% ao ano até as Olimpíadas.
Em 2011, o Riocentro registrou o maior número de eventos e público de sua história. Mais de 1,8 milhões (1,30 milhão em 2010) de pessoas passaram por 70 feiras, conferências, shows e encontros corporativos nacionais e internacionais. Um crescimento de 11% no número de eventos. Entre os eventos realizados em 2011, destaca-se a XV Bienal Internacional do Livro do Rio de Janeiro, por onde passaram 670 mil pessoas – recorde de público de todas as edições; a LAAD, maior feira de defesa da América Latina; a 16ª Feira Construir Rio, que atraiu 60 mil visitantes e gerou R$ 100 milhões em negócios; e a Offshore Technonolgy Conference – Brasil (OTC), um dos principais eventos do mundo no setor de Petróleo, realizado pela primeira vez fora dos Estados Unidos e a Rio Oil & Gás.
Pela sua estrutura versátil e infraestrutura de padrão internacional, o Riocentro atrai as maiores e mais importantes feiras de negócios do Brasil e da América Latina. Para 2012, o Riocentro conseguiu captar novas feiras para o Rio de Janeiro como a Futurecom, o maior evento de telecomunicações da América Latina, e a internacional de logística Brazil Trade Summit (BTS). E trouxe de volta ao Rio de Janeiro dois eventos que há anos tinham deixado a cidade, e são importantíssimos para movimentar a economia local. A convenção ABAD 2012 e a ExpoPostos & Conveniências.
Infraestrutura
Maior centro de convenções da América Latina, o Riocentro tem um total de 571 mil m², dos quais 100 mil são de área construída. A versatilidade das suas instalações faz do Riocentro o local apropriado para diferentes formatos de eventos: congressos; feiras; competições esportivas, shows e formaturas; nacionais e internacionais, indoor ou ao ar livre. O estacionamento possui 7 mil vagas que servem a cinco pavilhões – quatro totalmente climatizados – para feiras, exposições, congressos, treinamentos, convenções, premiações, lançamentos de produtos e os mais diferentes tipos de eventos. Juntos, eles oferecem estrutura de refrigeração, 25 salas de reuniões com capacidade para até 4.500 pessoas, divisórias acústicas removíveis, mezaninos climatizados, auditórios para até 400 pessoas, 16 salas modulares com capacidade para 270 pessoas, salão VIP, cozinha industrial, postos de atendimento médico, bureau de segurança estratégica, rede Wi-Fi, estação de telecomunicações, heliponto e um imenso jardim tropical com lago.
Inaugurado em 1977 para preencher a lacuna existente por um centro de convenções de grande porte, o Riocentro participou da vida econômica, política e cultural brasileira nessas mais de três décadas de história.